Breve História do Tempo

Breve História do Tempo, de Stephen Hawking

Como é que um livro de cosmologia vende 10 milhões de cópias e é traduzido em 60 línguas? É um mistério que rodeia o livro de Stephen Hawking que saiu para as livrarias faz agora 20 anos. Ninguém sabe como é que um livro destes teve o sucesso que teve! Mas é realmente espantoso que um livro destes tenha tornado Hawking num fenómeno de popularidade ao nível de Carl Sagan.
O sucesso foi tão grande que o livro já conheceu 5 versões até ao presente momento, sendo a última a do vigésimo aniversário. Mas é realmente estranho que um livro de cosmologia venda tanto. Porque a cosmologia não é um tema fácil. Não é uma coisa que conquiste muitos leitores. Que seja fácil de explanar em livro. Que seja fácil de perceber. Mas há qualquer coisa neste livro e no próprio Hawking que atrai a curiosidade. Talvez a figura do próprio Hawking, mais do que livro. O livro não é nada de especial. É um livro de divulgação como tantos outros que foram escritos nos últimos 20 anos. Até se comenta que muitos leitores nunca passaram do 1º capítulo. Que outros leram o livro e não perceberam nada, o que não é novidade em livros de cosmologia.
Por outro lado, temos que admitir que as primeiras versões não foram muito acessíveis aos leitores, pois em 2005, Hawking em colaboração com Leonard Mlodinow escreveu a Brevíssima História do Tempo, de forma a tornar mais compreensível o livro original. Portanto, estamos perante um livro que até não era nenhuma obra-prima nas primeiras versões.

Mas a verdade é que se tornou um sucesso de vendas e catapultou Hawking para a fama. Por isso, o segredo é capaz de não estar só no livro, mas mais no próprio autor ou na sua condição física. Também não podemos ignorar que há uma série de factores de moda associados ao livro. Ou seja, o sucesso fez com que muitos leitores o comprassem pelo facto de estar nos tops e ser comentado por toda a gente. Portanto, há vários factores para o sucesso do livro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.