Eyjafjallajökull

iceland volcano

O mundo parece virado do avesso: cheias em vários sítios do mundo, deslizamentos de terras no Rio de Janeiro, alterações climáticas, tsunamis, inúmeros terramotos, etc. Tudo isto tem inundado as nossas notícias. Parece que o planeta está “virado contra nós”.
No entanto, uma visão histórica do problema leva-nos a perceber que não é bem assim.
O que se passa é que agora estamos a ser mais afectados pelos problemas. Esses eventos sempre se produziram, mas agora temos mais notícias sobre eles, além de que nos afectam mais directamente porque somos mais a viver em zonas de risco.

Os “desastres naturais” mais noticiados recentemente tem a ver com o número de terramotos que tem acontecido nos últimos tempos. O número não é nada de anormal, mas nós estamos mais atentos a esses fenómenos, e mais pessoas têm morrido.
O ROCA escreveu este excelente post sobre o assunto.
E na nossa lista de discussão temos discutido proficuamente este problema. Leiam aqui, aqui, e aqui.

Vem isto a propósito da nova “ameaça”.
Eyjafjallajökull é um dos glaciares da Islândia. Cobre um vulcão que tem entrado em actividade periodicamente, por exemplo, em 1612, em plena época de Renascimento Europeu. Em 1821-23, por exemplo, levou a uma elevada mortalidade.
Nos últimos 20 anos, a Islândia teve erupções semelhantes. Aliás, a Islândia é um país com imensa actividade vulcânica, já que é um ponto de encontro entre as placas tectónicas da América e da Europa.
placas
cord
placas
Este vulcão, recentemente, teve outra erupção. Foi em 20 de Março de 2010, e as notícias fizeram questão de mostrar as belíssimas imagens deste vulcão numa paisagem de gelo.



Depois de um mês mais ou menos sossegado, eis que nova erupção do mesmo vulcão leva a um maior alarmismo.
volcano
A cinza vulcânica que ele está neste momento a libertar, está a alastrar-se por vários países, afectando não só a Islândia, mas por exemplo, espalhando-se também pelo Reino Unido (parece que Portugal está safo desse ar extremamente poluído).



Muita gente tem sido afectada. Não só tem havido muita gente evacuada das zonas de perigo, mas sobretudo quem quer viajar na Europa está com problemas.
O Reino Unido fechou os aeroportos, a Noruega também, a Holanda também, a Dinamarca igualmente, a França para lá caminha, e muitos vôos no resto da Europa têm sido cancelados (incluindo de Portugal).
Milhões de pessoas estão a ser afectadas!
E o vulcão continuará em actividade durante algum tempo!

Leiam mais sobre este assunto, nos nossos vários posts, clicando aqui.
Vejam também estas 50 imagens fabulosas.

Será isto anormal? Não!
Só quem vive do medo é que pode imaginar que as coisas acontecem de propósito “contra nós”.
Só a ignorância pode levar a pensar que o planeta (e o Universo) é um local sossegado, onde os eventos são fora do comum.

A mudança é a única constante/certeza na vida e no Universo. Não entendo como as pessoas podem ter medo das mudanças, e daí verem “conspirações” em todo o lado. E sobretudo não entendo como podem querer que “tudo se mantenha igual”, quando isso é, no mínimo, inocente, irrealista, e irresponsável.

3 comentários

1 ping

  1. que sitio para bacan eh nunca se vallan mundial brasil 2014 ecuador

  2. scientificamerican.comscientificamerican.comNa Scientific American temos mais detalhes:

    How Long Will Iceland’s Volcano Keep Planes Grounded?
    http://www.scientificamerican.com/article.cfm?id=iceland-volcano-airspace

    “As the volcano in Iceland continues to erupt, travelers in Europe are left to wonder how long local airspace will remain closed. A volcanologist from the Smithsonian explains why this eruption could cause long-term disruption.”

  3. É apenas a forma como o planeta se manifesta geologicamente para libertar a energia térmica que veio acumulando nos milahres de milhões de anos (pelos mais diversos processos / fontes). Nada de anormal ou anómalo. As notícias só querem vender lixo.

  1. […] Rotação abranda. Auroras (25 + 20 + 15 + 9 + premiada). Desastres: Eyjafjallajökull e vídeos. Maré Negra. Trovoada (aqui, aqui, e aqui). Terramoto no Japão (dias mais […]

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.