Eyjafjallajökull em 50 imagens fabulosas

e01_23056097

Aconselho a que releiam os posts sobre este assunto, nesta categoria.
As fotos que vou colocar em seguida são desses nossos posts, desta página, e deste blog.

icevolcano_fulle-1

eyjafjallajokull-fire_in_the_sky

eyjafjallajokull-fireworks

eyjafjallajokull-plinian_eruption

4528068150_7fcc3d0a12_o

4527797541_1ab9cb114d_o

e35_00009724

eyjafjallajokull-moody_ash_cloud

eyjafjallajokull-incadescence

eyjafjallajokull-stars_over_eruption

eyjafjallajokull-stratovolcano_complex

e34_00009773

eyjafjallajokull-eruption_at_dusk

eyjafjallajokull-column_surrounded_by_lightning

e33_00009647

e32_23056099

Lightnings1

e19_23056757

e14_23054261

VBK-SCI-_106318f

slide_6094_81206_large

Volcanic Cloud Causes Widespread Disruption To UK

e07_23050557

02df9630_c28b_497a_9469_d385f0c7322a

slide_6094_82102_large

eyjafjallajokull_ali_2010107_lrg

e12_23042715

eyjafjallajokull-evening_ash

eyjafjallajokull-ash_above_clouds

e20_23058815

e21_23058853

e02_23042795

0418-Eyjafjallavo-kull-volcano-Iceland.jpg

eyjafjallajokull-southern_landscape

e04_23046955

15aedc35_9e30_4e91_839a_c6db7d38ac4d

12261ab6_04b6_45da_a94f_a3a90a73792d

4528302316_d33476ca51_o

1016079

eyjafjallajokull-volcano-eruption-2010

e11_23052089

article-1266403-09285522000005DC-277_964x727

37 comentários

1 ping

Passar directamente para o formulário dos comentários,

  1. Fantástico!!!

  2. Imagens espectaculares. A Mãe Natureza relembra-nos a sua Força. Tem a ver com ciclos geológicos e, em princípio, não por acção directa do Homem (talvez a subida da temperatura média possa afectar a temperatura do magma ou neste caso favorecer a infiltração de águas por derretimento das calotes e assim alterando as pressões).Ultimamente passamos por um período de uma actividade sísmica e vulcânica de alguma dimensão. O leigo apercebeu-se da influência que este fenómenos tem nas nossas vidas só nesta situações em que o efeito é global. O maremoto do Indico e o Vulcão da Islândia são acontecimentos globais. Mas o que as pessoa desconhecem é que estes até são incidentes pequenos. Se tal como prevêem algumas teorias e observações, YellowStone (Parque natural americano famoso pela sua actividade geológica e possível Super Vulcão) entrar em erupção, será de tal maneira catastrófico que mudará a face do Mundo. Metade da América desaparecerá e a nuvem de detritos cobrirá o sol por anos. A ultima grande erupção de um super vulcão de nome KraKatoa, ainda no séc. XIX na Indonésia, baixou a temperatura global em 2 graus. E não se compara ao que será Yellowstone.

  3. É Bom saber o Poder que a Natureza tem!
    Seria interessante que se desse mais importancia a esses Sinais!

  4. Não vou me surpreender se logo surgirem explicações afirmando que erupções como esta são provocadas por ações humanas . Só lamento que enquanto valoriza-se a autoria dos fenômenos naturais deixa-se de implementar medidas racionais que poderiam reduzir os efeitos trágicos dos mesmos.

    • josé carreira on 27/04/2010 at 21:49
    • Responder

    Gostei só gostaria de estar no local para admirar estas lindas fotos . A ntureza tem uma força fantastica carreira

  5. DOU UM DOCE A QUEM CONSEGUIR FALAR DE UMA SÓ VEZ O NOME DO VULCÃO!

  6. Pronto, Rita.

    Convenceu-me com as profecias de Nostradamus.
    LOLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLL

    Acho que deveria rever o sentido crítico, e ler essas chamadas “profecias”.
    E talvez perceber um pouquinho da história da altura em que ele escreveu aquilo…

    É uma sugestão.

    E talvez olhar para o final do último século. Não faltam livros sobre o assunto.
    Dezenas e dezenas de livros se escreveram sobre essas “profecias” serem para o fim-do-mundo há um pouco mais de 10 anos atrás.
    Pois é, Nostradamus “profetizou”, e cumpriu. O mundo acabou há pouco mais de 10 anos atrás…
    … deve ter estado distraída 😉

    De resto, como toda a gente pode perceber, isto não tem nada a ver com poluição, nem eu tão pouco disse que era a favor de poluir o planeta…
    Novamente, anda distraída…

    • Rita Ferreira on 26/04/2010 at 16:18
    • Responder

    Carlos Oliveira,
    Então o que sugere? Que continuemos a poluir os solos,as águas e a lançar gases para a atmosfera?
    Acho que deveria dar uma olhadela nas professias de Nostradamuse, analisar todos as eras que o Planeta Terra já atravessou até ser aquilo que nós hoje conhecemos.
    Cada um acredita naquilo que quere, mas os factos ninguem os pode negar.

  7. Rita,
    Terramotos, cheias e vulcões, sempre houve. Só que agora há mais pessoas afectadas (porque estamos sobretudo a mudarmos pra sitios mais problemáticos), e há acesso a mais informação… por isso quando há uma cheia seja onde fôr, sabemos 😉
    Mas essas coisas sempre existiram 😉
    Tem posts nossos sobre isso 😉

    José Freitas,
    Se a Terra é regida por Gaia, e quem manda em Gaia é o Luís Filipe Menezes, então quem manda na Terra é o Luís Filipe Menezes.

    • José Fernando on 23/04/2010 at 20:04
    • Responder

    Essas belas imagens, só para lembrar a nós humanos que o planeta não é só nosso e nem sempre faz o que queremos; pelo contrário, nós é que precisamos nos adaptar às suas constantes e progressivas mudanças e impactar o mesno possível no sistema. Isso já ocorreu, está ocorrendo e ocorrerá no futuro com humanos ou não por aqui, isso é geologia pura.
    Lembrando ainda que se apenas dois ou três vulcões desse nipe, entre centenas que existem no planeta, ficarem algumas semanas jogando material particulado simultaneamente assim na atmosfera, pronto, a temperatura média global cai… simples assim, pois as particulas na alta atmosfera acabam bloqueando a entrada de luz solar na sua plenitude. Algo semelhante ocorreu no ano em que o Piantubo, lá nas Filipinas, resolveu acordar quase no final do século XX, e era só um … mas aquele ano a temperatura média global baixou.

    • José Freitas on 23/04/2010 at 18:54
    • Responder

    Para o Carlos Oliveira, fique sabendo que de facto a Terra é regida por Gaia. Às vezes é necessário, dar grandes abanões na espécie humana, que se acha detentora de tudo, para proporcionar alterações nos hábitos e costumes

    1. Gaia está-se completamente nas tintas para o ser humano. Mania de vocês porem os Humanos no centro de tudo… enfim… geocentrismo psicológico…

    • Rita Ferreira on 23/04/2010 at 13:44
    • Responder

    Acredito que a Natureza está realmente a reagir as acções nefastas causadas pelo Homem e pela sua ambição desmedida.
    Como podemos constatar só neste inicío de ano tivemos o Terramoto no Chile, as cheias na Madeira e o Vulcão que entrou em actividade no Alasca, com forte probabilidade de entrar outro em seguida de maiores dimensões.
    Para além de cada vez ser mais frequente os casos de Câncro, Alergias e problemas respiratórios nas pessoas.
    Acho que temos todos de colocar as mão na conciência e pensar nas nossas acções do quotidiano de forma a reduzir-mos o nosso impacto ambiental. se todos tiver-mos esta preocupação talvez consiga-mos influenciar as industrias a serem cada vez mais limpas e os seus grentes e administradores a preocuparem-se mais com a casa onde todos vivemos. Este planeta maravilhoso, do qual todos gostamos de desfrutar, desde o mais rico ao mais pobre.
    Caso contrário o que me ocorre é que dentro de “poucos anos” nós, termos de andar na rua com roupas especificas, para nos proteger-mos das radiações e da poluição. Pois sem estas proteções não viveriamos muito tempo.

    Vamos protejer o planeta como protejemos as pessoas de quem amamos.

  8. Penso que o objectivo do Pitas era personificar a Natureza.
    Eu entendi “castigo” por resultado do que fazemos.
    Todos nós quando eramos pequenos já pisámos poças de água na brincadeira… resultado, acabávamo-nos por molhar não era? Agora imaginem isso a uma escala mundial!

  9. Natureza na sua plenitude, nunca devê-mos substimá-la, mas “avisos” da mãe natureza ainda acredito, mas do ser divino NÃO.

  10. …a natureza NÃO tem cérebro…
    Não nos castiga, nem nos dá avisos.

    Vulcões em actividade sempre existiram.
    Aliás, existiam muitos mais ANTES de haver humanos…

    De resto, promover o respeito pelo ambiente e pela ecologia, sim, concordo.
    Mas não por medo de “castigos” ou “avisos”… simplesmente porque é a atitude certa a tomar de modo a respeitar a nossa “casa”.

  11. Vamos todos respeitar mais a “MÃE” Natureza para que ela não nos castigue tão violentamente !!! Tudo isto são AVISOS !!!

  12. zzzzzzzz, calinos da minha alma.

  13. Ontem levei com electricidade estática por 5 vezes.

    De todas as vezes que entrei num elevador e tive que carregar no botão do andar para o qual queria ir :S

    Segundo percebo pela tua explicação, Jorge, então posso provocar um pequeno vulcão por aqui também
    🙂 eheheheheheh
    just kidding 😉

  14. Electricidade estática, basicamente.
    Acontece que há uma separção de cargas tão elevada, que o ar se torna CONDUTOR… e isso implica um movimento de cargas provocando esses raios. É o que é conhecido como ruptura dieléctrica.

    Outra situação mais mundana: É por causa da electricidade estática que nunca se deve andar a entrar e sair do carro numa gasolineira… carrega-se o corpo de tal forma que se aproximar inadvertidamente do depósito de gasolina pode provocar uma faísca… (descarga eléctrica) não será visível por ser bem pequena, mas o suficiente para causar problemas.
    A electricidade estática produz-se quando um passageiro fricciona as suas roupas contra o tecido dos assentos, ao entrar ou sair do veículo… A questão dos telemóveis é mito.

  15. EU pessoalmente não sei explicar isso muito bem, mas neste link, parece-me uma boa explicação…

    http://geology.com/articles/volcanic-lightning/

  16. Imagens lindissimas mas alguém me sabe explicar os “relâmpagos” que aparecem?

  17. Imagens fantásticas – a condizer com o fenómeno, do ponto de vista Geológico!

  18. Belas imagens!

  19. Fabulosas fotos.
    Pena os efeitos causados na atmosfera.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.