OVNIs pintores

crop circle

Não sei qual é o lema actual da TVI, mas será que é mentir o mais possível a quem os lê/vê?

Após já ter falado sobre o ridículo e mentiroso programa “Depois da Vida” (leiam aqui), eis que reparei que a TVI24 (canal de notícias da TVI) anda a divulgar como sendo um mistério os chamados “crop circles”. Supostamente, apareceram mais na Inglaterra (leiam aqui) e em Portugal (leiam aqui).
Em vez de pesquisarem 2 minutos e perceberem que os crop circles já foram explicados, inventam que são misteriosos, inventam que existe radiação (já foi provado que é mentira), não percebem que as imagens são mais complexas porque são feitas com técnicas terrestres mais tecnológicas, nem sequer percebem que já há concursos de crop circles!!! Para terrestres!
Enfim… isto é que é jornalismo???
Só falta dizerem que os crop circles em Mafra (vejam aqui), também são extraterrestres!

Mas o pior de tudo deste péssimo jornalismo é quem foram entrevistar.
Foram entrevistar uma pessoa bem conhecida por ser… como direi?… totalmente absurdo. Um perfeito pseudo.
Tenho que dizer que deve ter sido difícil encontrar quem entrevistar. Procuraram e procuraram por quem poderia ser a pessoa MENOS credível para falar sobre o assunto.
Foram entrevistar o Luís Aparício, da APO, que, como já expliquei neste post não é investigador mas sim crente religioso, é ignorante a vários níveis, mas entende que a sua ignorância é suficiente para achar que todos os geólogos estão errados, que todos os químicos estão errados, que todos os astrónomos estão errados, e ele é o iluminado que diz que a Terra é oca e que os extraterrestres afinal vêm de dentro da Terra.
Este é o tipo de pessoas que estes jornalistas da TVI24 acham que são credíveis…
Ridículo!

Não satisfeitos com isso, no Dia Mundial dos OVNIs (leiam aqui), resolveram entrevistar várias pessoas, entre elas, novamente, esse poço de disparates que é o Luís Aparício.

Notem a falta de imaginação do homem ao falar de extraterrestres… afinal o problema dos ETs é a côr… enfim…
Notem também as imagens que vão aparecendo de “verdadeiros OVNIs”, como a imagem de um “OVNI” em que se vê perfeitamente um cabo a segurá-lo (e que está totalmente provado ser uma fraude), a imagem de um meteoro, a imagem do planeta Vénus, a imagem do boneco do Santilli em Roswell (que ele já admitiu ser um boneco), os supostos OVNIs no Haiti que foram feitos num programa de computador pelo Barzolff (leiam aqui), e por aí adiante. Infelizmente, disparates são aos montes.
Mas o melhor ainda está quando a jornalista Luiza Alagoa diz que os OVNIs foram vistos a 24 de Junho de 1947 pelo piloto “Kennedy Herold”. O Kenneth Arnold mudou de nome…
além disso, o Kenneth Arnold não viu discos voadores, isso foi um erro do jornalista da altura (leiam aqui).
Se calhar esse jornalista também era da TVI…

5 comentários

1 ping

Passar directamente para o formulário dos comentários,

  1. LOLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLL

    Se dúvidas havia sobre as suas falhas no pensamento racional, este comentário desfez quaisquer dúvidas.

    Quanto às bolas de luz, quando quiser mando-lhe algumas pelo computador. Em poucos minutos posso fazer algumas e enviar-lhas. E até lhe junto uma história sobre como as vi no campo ao lado de minha casa.

    Quanto ao sentir os golfinhos… LOLLLLLLLLLLLLLLLLLL
    Esta é que me pôs a rir pelo chão!!! Até acho que senti os golfinhos no meu chão!!! E até o cheiro a mar!!!
    LOLLLLLLLLLLLLLLLL
    Será que deveria falar das “estranhas radiações e vibrações” sentidas noutros campos de trigo, que afinal se provou ser tudo mentira? Ou seja, os desenhos foram feitos por terrestres (até há concursos!), não havia quaisquer “radiações” ou “vibrações”, mas há sempre malucos que “sentem” tudo.
    Concluindo, não acuse os ETs dos problemas psicológicos dos humanos!

    De resto, de tudo o que disse, aproveita-se a última frase.
    Tem toda a razão. O Luis Aparício tem uma mentalidade demasiado infantil. Já deveria ter crescido mentalmente e deixado de acreditar no Pai Natal. Infelizmente, para si, qualquer barulho que ouça, continua a ser o Pai Natal.
    Aconselho a que cresça, ou ainda melhor, recomendo algumas consultas no psicólogo. Sendo-lhe absolutamente sincero, acho que o ajudava imenso.

    Carlos Oliveira da Associação de Apoio a Adultos com Mentalidade de Criança

  2. Como principal visado nesta conspiração do silêncio, promovida por pessoas que ainda não chegaram ao patamar tecnológico daqueles que fazem os circulos no trigo, venho dizer que não fumo ganzas e tenho os pés bem aceites na terra.

    Gostaria de saber como se fazem as máquinas voadoras que são vistas a fazer os circulos. Vêm-se bolas de luz a circularem por cima do campo de trigo e não gastando mais de 3 segundos fazem o circulo.

    Soube agora que conforme os temas dos circulos também se sente o tema do circulo. Por exemplo no caso do circulo onde apareceu o golfinho, pessoas deitaram-se no golfinho e sentiam o cheiro a mar, e há mais sensações em diferentes circulos.

    Isto a nossa ciência não explica. Como dizia o médico ao monje no livro «Eremita» de Lobsang Rampa, « a presença do homem na terra, equivale a uma demão de tinta na altura da Potala». Quer isto dizer que nós ainda mal entramos na pré infantil, quanto mais já termos a presunção de sermos doutores laureados.

    Luís Aparício da Associação de Pesquisa Ovni

  3. É muito difícil lutar contra este tipo de desinformação.
    Eu sei, porque passei anos a tentar fomentar o espírito crítico noutras pessoas.

    As pessoas acreditam nos maiores disparates!
    E não conseguem ter um neurónio crítico!

    Uma luz no céu é apenas isso… uma luz no céu! Pode ser “milhões” de coisas, mas as pessoas transformam logo num disco voador cheio de homenzinhos verdes que nos vêm raptar..

    E os orgãos de informação são de uma idiotice chapada completa. Limitam-se a vender.. e o que vende não é um meteoro ou um fenómeno atmosférico, o que vende são as invasões de extraterrestes. É preciso realmente ridicularizar estes orgãos de comunicação que são totalmente irresponsáveis e que ajudam a cultivar a estupidez, o medo e a irracionalidade. A TVI está cada vez mais parecida com o Jornal Incrível ou o famoso The Sun. Para eles interessam é as manchetes sensacionalistas. Espírito crítico… zero!

    Infelizmente nos canais generalistas, com raras excepções, cultiva-se muitas vezes a mediocridade, a idiotice e a burrice. É raro ver documentários sobre o que quer que seja. Ciência, História, Filosofia, etc.. é mentira. Zero! Falar sobre grandes descobertas na Ciência nem pensar.. Eu que costumo acompanhar as notícias em Ciência e Tecnologia, todos os dias vejo notícias importantes que mereciam destaque nos orgãos de comunicação. Mas isso iria roubar os 20 minutos que é preciso dedicar ao filho do Ronaldo ou a outro tema que não interessa nada. Além disso não há tempo para mais porque a seguir vem as injecções de novelas. Cultiva-se a atrofia mental. É uma tristeza…

    Quanto ao Luis Aparicio, é tanto o disparate pegado que nem há palavras para descrever. Aquela dos extraterrestes se enfiarem dentro da Terra, faz-me lembrar a BD do Blake e Mortimer, “O enigma da Atlantida”. Os Atlantes, também saíam das entranhas da Terra com uns discos voadores com que observavam a Terra… Se calhar ele andou a ler “comics” a mais…

  4. este site é que merecia uma reportagem na tvi, nao estes pseudos.

  5. este Luís Aparício tem ar de quem fuma mt broca, LOL incrível a quantidade de bacoradas q este individuo diz por frase. Para n falar do ridículo da tvi em fazer jornalismo apenas para as audiências em vez de cultivar os ouvintes.

    Felicito o astropt pelos artigos publicados no qual eu sou um leitor regular á mais de um ano, grande abraço aos verdadeiros investigadores e cientistas.

  1. […] do programa a enganar e a gozar com a população (leiam aqui), e uma reportagem péssima (leiam aqui), mais uma vez tornam a estupidificar a […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.