sucesso da Hayabusa

A sonda Japonesa, Hayabusa (Falcão Peregrino), partiu da Terra em 2003, em direcção ao asteróide Itokawa.
Em 2005, pousou no asteróide por 2 vezes.
Em 2007, partiu do asteróide em direcção à Terra.
Regressou à Terra em Junho de 2010, após 7 anos de missão, e após ter percorrido 6 mil milhões (bilhões, no Brasil) de quilómetros.

A sonda caiu na Austrália, e percebeu-se que tinha recolhido poeira.
Mas havia dúvidas se a poeira era do asteróide ou poeira cósmica.

A Agência Espacial Japonesa (JAXA) anunciou agora que a missão foi um sucesso.
A sonda tinha no seu interior partículas (grãos de poeira) do asteróide Itokawa.

Foi a 1ª missão em que uma sonda foi enviada a um asteróide e regressou com amostras do asteróide.
Foi a 1ª vez que se recolheu grãos de poeira retirados directamente da superfície de um asteróide.
As 1500 partículas microscópicas recolhidas, podem nos dar informações importantes sobre a origem e composição do Sistema Solar.

O asteróide Itokawa tem 535 metros de comprimento, e leva 556 dias para completar uma órbita ao redor do Sol.

Leiam em português, no Público, Estadão, e Inovação Tecnológica.
Leiam em inglês, no Universe Today, Space Ref, Space Daily, Space Daily.

1 comentário

  1. Boa notícia, bonito vídeo, bom trabalho da equipa Japonesa. Os meus parabéns.
    Cumps.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.