A Lua a 1,2 segundos luz da Terra

Há 18 anos que a luz refletida pela Lua Cheia não demorava tão pouco tempo a atingir os nossos bastonetes e cones…  Ou seja, os 356 577 km que nos separavam nessa noite davam uma latência de aproximadamente 1,2 segundos para o passado.

Esta imagem corresponde à inauguração do meu novo sistema de controlo remoto do telescópio. Finalmente vou deixar de “rapar” frio à noite. Agora, no conforto da minha sala ou outra divisão da casa, posso programar tudo e ir acompanhando o processo, sem ter que vestir o fato de esquimó. 🙂

Equipamento: FS-102NSV f/6 + ST2000XM; RGB 1x 0,002″ por canal às 23h10m UT.

10 comentários

1 ping

Passar directamente para o formulário dos comentários,

  1. Pronto!!!!
    Eu sou voluntário para ir lá colocá-la 🙂

    E eu próprio pagava a Toucam LOL!
    Agora, o transporte… só mesmo com ajudas de custo (astronómico)!

  2. Realmente, era uma boa ideia!!! 🙂
    Mas quem pagava para pôr lá? E como iria rentabilizar o $$$ investido? 😉

    • António Ramos on 23/03/2011 at 13:19
    • Responder

    Boa ideia !

    Mas, uma das ideias que trago na cabeça, porque sou um fã das imagens em direto pela web, seria uma câmara na Lua, a transmitir para cá, a imagem da nossa Terra em tempo real !…
    Claro, seria necessário coloca-la lá !?

  3. Sim, Nuno!
    Em fase de Lua Cheia, como afirma 🙂
    Já editei o texto para se tornar mais claro. Obrigado pela dica.

  4. Nuno, sim, isso tá correto 🙂

  5. Provavelmente, não me exprimi da melhor maneira. De facto, o que eu estava a querer dizer era que pensava que não estaria muito correto dizer que “Há 18 anos que a luz refletida pela Lua não demorava tão pouco tempo a atingir os nossos bastonetes e cones… “. Com efeito, penso que estaria mais correto se se dissesse: Há 18 anos que a luz refletida pela Lua Cheia não demorava tão pouco tempo a atingir os nossos bastonetes e cones…, visto que a Lua já esteve num perigeu mais próximo do que no último sábado (embora não na fase de Lua Cheia)

    Abraço.

  6. A próxima Super-Lua vai ser em 2016, daqui por 5 anos. E terá perigeu mais perto que agora.

    Depois demorará 18 anos, até 2034, para ainda mais perto.

    http://www.astropt.org/2011/03/19/super-lua-perigeu-da-lua-cheia/

    abraço!

  7. aqui aparece bem 🙂

  8. Boa noite.
    Pelo que percebi, o perigeu da Lua já foi mais perto nestes 18 anos do que no dia 19 de Março de 2011. Chama-se Super-Lua quando o seu perigeu coincide com a fase de Lua Cheia (um fenómeno que só ocorre de 18 em 18 anos).
    Logo, seguindo este meu raciocínio (não sei se está totalmente correto), não se pode afirmar que “Há 18 anos que a luz refletida pela Lua não demorava tão pouco tempo a atingir os nossos bastonetes e cones… “. Penso que estaria mais correto se se dissesse: Há 18 anos que a luz refletida pela Lua Cheia não demorava tão pouco tempo a atingir os nossos bastonetes e cones…

    Abraço.

    • Leonardo S Lima on 21/03/2011 at 17:44
    • Responder

    A imagem não está aparecendo!

  1. […] João Cruz publicou este post com a imagem da […]

Responder a Carlos Oliveira Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.