Fósseis Apex

Na Austrália existe um tipo de rocha chamado Apex Chert, que se pensava conter alguns dos fósseis mais antigos, com cerca de 3,4 mil milhões de anos.

Mas um novo estudo parece concluir que são formações minerais microscópicas, e que nada têm a ver com vida. Podem ler em inglês, aqui.

Se temos problemas em diferenciar o que é vida do que não é aqui na Terra, como poderemos retirar conclusões sérias sobre análises noutros planetas e luas?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.