Locais na superfície de Lutécia recebem nomes oficiais


21 Lutécia e os 36 nomes escolhidos para crateras, fissuras, escarpas e outros locais na superfície do asteróide.
Crédito: ESA 2010 MPS para a equipa OSIRIS/MPS/UPD/LAM/IAA/RSSD/INTA/UPM/DASP/IDA.

Foram aprovados no início do mês pelo Working Group for Planetary System Nomenclature (WGPSN) da União Astronómica Internacional (UAI) nomes novos para crateras e outros locais de interesse geológico observados no ano passado pela sonda europeia Rosetta na superfície de Lutécia. As 13 crateras nomeadas receberam o nome de cidades romanas e outras regiões europeias adjacentes contemporâneas de Lutécia – a cidade sepultada no que hoje são as fundações de Paris. Para as regiões e outras estruturas geológicas foram reservados, respectivamente: os nomes de Hermann Goldschmidt (o descobridor do asteróide 21 Lutécia) e de províncias do Império Romano do tempo de Lutécia; e os nomes de rios e territórios adjacentes a Roma usados no mesmo período.
Para mais informações visitem esta página.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.