Mapa completo do Universo

Após 10 anos de observações utilizando o 2MASS Redshift Survey (2MRS), os cientistas apresentaram o mapa 3D mais completo do Universo.
Esta imagem contém 500 milhões de estrelas e mais de 1,5 milhões de galáxias.

Leiam sobre isto, aqui, aqui, aqui, aqui, aqui, e aqui.

16 comentários

Passar directamente para o formulário dos comentários,

  1. A imagem não pode ter 500 milhões de estrelas. Só a Via Láctea possui entre 150 bilhões e 250 bilhões de estrelas. E no universo observável há em torno de 2 trilhões de galáxias.

    1. “Using twin ground-based telescopes, the Two Micron All Sky Survey (2MASS) scanned both equatorial hemi- spheres, detecting more than 500 million stars and resolving more than 1.5 million galaxies in the near-infrared (1 – 2.2 microns) bands.”

      Isto é o que está no artigo científico.
      https://arxiv.org/html/astro-ph/0405069

      Se pensa que sabe mais sobre a imagem do que o investigador do estudo, pode sempre contactar o cientista e explicar-lhe porque ele está errado 😉

      Mas fico curioso com o seu argumento para mostrar que “A imagem não pode ter 500 milhões de estrelas”.

      abraço

    • João Matheus on 30/05/2016 at 20:57
    • Responder

    Muito legal. Porem se o universo e infinito segundo varias pesquisas, como seria possível fazer um mapa destes, por isso este mapa não seria do universo, e sim da zona observável ( para aqueles que não sabem, a zona observável e tudo aquilo que nós podemos observar por enquanto ).

  2. ***Cara, eu já vi estas imagens antes, só que foi ao vivo.

    Brincadeiras a parte, muito obrigado por postar estas maravilhas, e parabéns por nos brindar com sua inteligência.

    Um abraço.

    1. ?

      …………estou concernida nesta sofística.

  3. Porque é que lhe chamam 3D a isto ?
    Consideram o comprimento de onda uma dimensão extra ?
    Estranho…

    • Luis Barreiros on 30/05/2011 at 14:50
    • Responder

    Consegui ver a minha casa nesse mapa :))

    PS: Estou quase de volta, depois de amanhã vou fazer o De-orbit e aterrar o Space Shuttle na segunda circular junto ao Estádio do Glorioso.

    Afinal de contas o Benfica tem tudo a ver com as missões espaciais “The Eagle as landed” ora obviamente que se estavam a referir à águia Vitória 🙂

  4. Porquê é que o universo tem que estar contido numa elipsóide em vez de um cubo ou outra forma volumétrica? Tem a ver com a distribuição e equilibrio de energia?

  5. E não há nada repetido, duplicado??!!

  6. Vê a legenda da primeira imagem desta página:

    http://spider.ipac.caltech.edu/staff/jarrett/papers/LSS/

    1. ahhh ok… é a mesma informação.

      0,5 billion = 500 milhões de estrelas que se vêem na imagem… dizem eles 😉

  7. 500 mil milhões.. no texto falas em 500 milhões.. eles falam em 0,5 billion.. qual dos biliões é este?? é o mil milhões? ou o milhão de milhões??.. Vê lá…

    1. não percebi…

      qual texto é que falam em 0,5 billion?

      Na imagem estão 500 milhões de estrelas…

      Mas na imagem também estão 1,5 milhões de galáxias… cada galáxia é um ponto.. cada galáxia poderá ter 500 mil milhões de estrelas – que não se vêem na imagem, claro 😛 só se vê um ponto, a galáxia.

  8. Espectáculo!

    Segundo percebi na primeira imagem estão cerca de 1,5 milhões de galáxias e na segunda imagem estarão cerca de 43000. Certo?

    1. Penso que sim 🙂
      Também é o que percebi 😉

      1 milhão e meio de galáxias… cada uma com 500 mil milhões de estrelas… cada estrela com 10 planetas…
      ou seja, dá: 7.500.000.000.000.000 planetas.

      será que um deles terá unicórnios invisíveis voadores? 😀

        • Rubens on 29/05/2011 at 22:23

        É só misturar um camaleão, águia, cavalo e um rinoceronte, se quiser deixar o processo mais fácil é só trocar a águia e o cavalo e colocar um pegasus (ou um pigasus). 😀
        Não vai ser exatamente um “Unicórnio invisível voador”, mas vai ser quase…”quase”!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.