Árvore da Vida

A árvore da vida é um conceito histórico que representa que todo o conhecimento está de alguma forma interligado, seja ele científico, religioso, filosófico, mitológico, artístico, etc.

Mas A Árvore da Vida é agora também um filme que discute temas como o Sentido da Vida, sendo que apresenta imagens do espaço, de nascimento da vida, etc, que levou alguns a comparar ao filme 2001: Odisseia no Espaço.
É certo que não vi o filme, mas pelo que li, acho um exagero essa comparação.
De qualquer modo, parece-me no mínimo um filme bastante curioso.

3 comentários

    • Marina Frajuca on 06/06/2011 at 10:27
    • Responder

    Olá

    Tambem ainda não vi o filme, mas pelo que li no Imdb, concordo quando diz que é uma comparação exagerada. Interpreto que a alusão seja feita apenas no sentido biblico, a perda da inocência com a ingestão do fruto proibido, uma vez que segundo a biblia, a árvore da vida é a arvore do conheciemento do bem e do mal.

  1. Um outro filme, que ainda estou a tentar ver (realizado em 2006) e que talvez também (contenha?) parte da mesma temática, (ou a mesma intenção) é este:

    http://en.wikipedia.org/wiki/The_Fountain_(film)

    Saliento estes fragmentos (vale a pena ler tudo) do artigo na wikipedia:

    The Fountain has three storylines told nonlinearly, each separated by five centuries.

    In 16th century Central America in Mayan territory, conquistador Tomas quests for the Tree of Life for his queen Isabel.

    In 2005, medical researcher Tommy obsessively seeks a cure for the brain tumor killing his wife Izzi Creo.

    In 2500, space traveler Tom travels to a nebula in a bubble-shaped spacecraft that contains a garden and a dying tree that represents his lost love.

    …The director realized that, with one man against the army, the rewrite was a suitable metaphor for his film’s theme of a man defying odds to do the impossible and conquer death…

      • Ana Guerreiro Pereira on 07/06/2011 at 00:50
      • Responder

      Já vi esse, ADOREI!!! :))))) esotérico até mais não, mas delicioso!! recomendo vivamente, até porque é daqueles filmes que colocam o espectador a pensar e MUITO. 😀

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.