Chaminés hidrotermais gigantescas descobertas a norte dos Açores

“A três mil metros de profundidade no Atlântico, e cerca de 420 milhas a norte da ilha Graciosa, uma equipa de cientistas irlandeses e britânicos descobriu um campo de fontes hidrotermais com grandes chaminés – a maior ultrapassa os dez metros de altura.
O novo campo de fontes hidrotermais – emanação de água quente vinda do interior da Terra carregada de metais e minerais – situa-se na Dorsal Médio-Atlântica, uma cordilheira no meio do Atlântico que é fronteira de placas tectónicas. Os metais e minerais precipitam-se e originam as chaminés, que acabam rodeadas de vida invulgar.
(…)
À maior chaminé, com mais de dez metros, demos o nome de um gigante mítico, Balor”, disse Patrick Collins, da Universidade Nacional da Irlanda, no comunicado. “Em comparação com outros campos, Moytirra tem chaminés monstruosas e, invulgarmente, está no sopé de uma escarpa – uma beleza.” (…)”
Leiam todo o artigo, em português, no Público.

Estas descobertas são bastante importantes, especialmente devido à vida que existe na zona destas chaminés no fundo dos mares.
Por exemplo, neste sítio agora descoberto, foram vistas espécies diferentes do que estamos habituados. O exemplo mais estranho é um camarão cego que utiliza um “terceiro olho” para ver a radiação infravermelha (calor)… como fazia o extraterrestre nos filmes Predador. É assim que ele vê: não na luz visível mas como fontes de calor.

Estas descobertas poderão nos ajudar a compreender melhor como a vida começou na Terra, e o tipo de vida que poderá existir, por exemplo, no fundo de oceanos extraterrestres, como em Europa, lua de Júpiter.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.