Campo Magnético da Terra – reversão dos pólos

Se pesquisarem no Google, vêem cerca de 3 milhões de websites a “profetizar” o fim do mundo para 2012 devido à inversão do campo magnético da Terra.

Se não entrarmos por fantasias, próprias de quem quer fomentar o medo, de modo a manipular a população… o que resta é a verdade. E qual é essa verdade?

O pólo magnético está em constante mudança, e não é por isso que morremos todos os dias.

A Terra tem 4,6 mil milhões de anos. Tem tido muitos ciclos com períodos temporais diferentes de reversão de pólo magnético.
Há aproximadamente 20 milhões de anos, manteve-se num padrão de a cada cerca de 250.000 anos haver uma inversão dos pólos.

No entanto, a última mudança de Pólo Norte para Pólo Sul aconteceu há 780.000 anos. Esta reversão é chamada de Brunhes-Matuyama.
Nessa altura, há 780.000 anos, a vida não acabou. Nem sequer houve “inundações globais” e demais parvoíces. Simplesmente há 800.000 anos a vossa bússola apontava para Sul e agora aponta para Norte.

Quando se diz que é uma mudança “abrupta”, o significado temporal geologicamente não é igual ao que utilizamos popularmente. Os vigaristas aproveitam-se destas diferenças de significado para mentirem à população. A verdade é que “abrupto” nas escalas temporais que estamos a falar são cerca de 5000 anos. Ou seja, as reversões de pólos são processos graduais que demoram cerca de 5.000 anos.

Mesmo durante a mudança, ao contrário do que dizem os vigaristas, o campo magnético continua a existir e a proteger-nos das tempestades solares e radiação espacial.
Nessas alturas de mudança, a grande diferença (além da bússola) é o facto de existirem belíssimas auroras mais frequentes e a latitudes mais baixas.

Conclusão: não existe qualquer razão para ter medo da reversão dos pólos. Pelo contrário: venha lá essa reversão! Já devia ter chegado há bastante tempo! Se vier agora, é fantástico! Isso quereria dizer que nos próximos 5000 anos, iríamos poder ver belíssimas auroras nos céus de Portugal, do Texas, e do Brasil.

Leiam aqui, aqui, aqui, e aqui.

52 comentários

17 pings

Passar directamente para o formulário dos comentários,

  1. Olá, bom dia!

    Estava lendo a matéria do seguinte link:

    http://www.apolo11.com/spacenews.php?titulo=Cientistas_confirmam_mudancas_no_campo_magnetico_da_Terra&posic=dat_20150309-101142.inc

    Bom, está confirmado a mudança dos pólos e o enfraquecimento do campo magnético mesmo? Seria isso mesmo que diz na matéria?

    Está sendo gradual, milhares de anos para ocorrer e dar algum efeito (Se possível), ou imediato?

    O que mostra no filme “Atividade Solar”, se me recordo do nome, em que houve a mudança dos pólos, e o campo magnético chegou a zero, auroras foram vistas em vários locais, com muita intensidade e freqüência, animais sem orientação, baleias encalhadas, terremotos, e quase foi o fim da humanidade?(Segundo o filme)
    Seria dessa forma, ou é muito pessimista?

    Obrigado!

    1. Robert,

      Não entendo as suas dúvidas…
      Que parte do meu artigo não entendeu?

      Lá é dito:
      “O pólo magnético está em constante mudança, (…)”
      “Mesmo durante a mudança, (…) o campo magnético continua a existir e a proteger-nos das tempestades solares e radiação espacial.”

      E tem uma imagem para ilustrar o que isso quer dizer.

      Parece-me que essas frases respondem às suas perguntas…

      Quanto ao filme… é um filme… não é real.

      abraços

  2. Quando acontecer essa reversão , o planeta ficará sem energia como um apagão global ??

    1. A resposta já foi dada em cima…

  3. Com a reversão do campo magnético , acabaria com a energia elétrica do planeta ??

    Como um apagão global

    1. Não.

      Não é o campo magnético terrestre que anda nas suas linhas de eletricidade 😉

      abraços!

  4. Olá, boa tarde!

    Vi a matéria do seguinte link:

    http://www.apolo11.com/spacenews.php?titulo=Inversao_dos_polos_magneticos_da_Terra_pode_ocorrer_em_pouco_tempo&posic=dat_20141015-113319.inc

    – Bom, é comprovado que a reversão já está a contecer? E as causas seriam essas mesmos, ou teriam mais ou menos consequências?

    Obrigado!

    1. Olá Robert,

      Tudo se mantém como está dito em cima. 😉

      O comunicado de imprensa:
      http://newscenter.berkeley.edu/2014/10/14/earths-magnetic-field-could-flip-within-a-human-lifetime/
      “The magnetic record the Italian-led team obtained shows that the sudden 180-degree flip of the field was preceded by a period of instability that spanned more than 6,000 years. The instability included two intervals of low magnetic field strength that lasted about 2,000 years each. Rapid changes in field orientations may have occurred within the first interval of low strength. The full magnetic polarity reversal – that is, the final and very rapid flip to what the field is today – happened toward the end of the most recent interval of low field strength.”

      Artigo científico:
      http://gji.oxfordjournals.org/content/199/2/1110.full

      abraços!

  5. Li estes artigos e vi o video e fiquei com muito medo………..oque esta a acontecer?

    1. Desculpe, mas não fazemos publicidade a websites vigaristas.

      Sobre o Seu History, já estou farto de dizer noutros artigos que é feito por crianças em casa dos pais. É só besteiras.

      Isto são tretas que os vigaristas publicaram para o “fim do mundo” em dezembro de 2012.

      Quanto ao tema, tanto este post como este:
      http://www.astropt.org/2013/08/10/reversao-magnetica-do-sol-consequencias-para-a-terra/
      Mostram claramente que isto são coisas normais… nada se passa.

      abraços

  6. Bom, eu trocava de bom grado a comodidade do GPS por poder ver auroras em Portugal 😀

  1. […] invertessem”. O vídeo também fala da probabilidade disso acontecer. O AstroPT já publicou este artigo sobre este […]

  2. […] para se orientarem. Tendo em conta o tema deste episódio, penso que faria sentido falar-se da reversão dos polos, de forma a sossegar as pessoas e elucidar sobre o fenómeno. É um tema atual que tem relevância. […]

  3. […] em conta o tema deste episódio, penso que faria sentido falar-se da reversão dos polos, de forma a sossegar as pessoas e elucidar sobre o fenómeno. É um tema atual que tem […]

  4. […] Maia mais antigo. Roma (rescaldo). Betelgeuse. Vénus explodir. 20 de Dezembro. Gliese 710. Reversão dos Pólos. Nexus 2012. Nuvem de Energia (Cinturão Fotónico). Nuvem do Caos em 2014. Invasão de Naves […]

  5. […] sobre Alinhamentos, Inversão dos Pólos Magnéticos, Tempestades Solares, Cinturão de Fotões e […]

  6. […] Na Terra, temos uma reversão do campo magnético em média a cada 250.000 anos. É uma mudança gradual, que demora cerca de 5.000 anos a concretizar-se gradualmente. Não tem qualquer efeito nocivo nas pessoas. […]

  7. […] anomalias devido a nesse dia existir uma reversão dos pólos. Nem sequer entendem que esse é um processo gradual que demora milhares de anos. – a parte humana também é péssima. Eles tentam estudar as anomalias, mas parece […]

  8. […] astronómica, há quem diga que o alinhamento com este buraco negro supermassivo levará a uma mudança do campo magnético terrestre, que acontece periodicamente. Isto levará a tsunamis, vulcões, terramotos, […]

Responder a Pedro Lucas Cancelar resposta

Your email address will not be published.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.