Missão dupla do foguetão Proton-M

Numa missão de mais de 9 horas e 35 minutos, um foguetão Proton-M/Briz-M foi lançado às 1117UTC do dia 11 de Dezembro de 2011 a partir da Plataforma de Lançamento PU-24 do Complexo de Lançamento LC81 do Cosmódromo de Baikonur, Cazaquistão. Este foi o 9º lançamento de um Proton-M em 2011 e o 372º na história do programa.

Este é mais uma missão dupla para o Proton-M/Briz-M que transporta os satélites de comunicações Luch-5A e Amos-5.

O satélite Luch-5A é o mais recente elemento do sistema de retransmissão de dados e comunicações Luch desenvolvido para a Agência Espacial Russa, Rososmos. O novo satélite foi desenhado e fabricado pela empresa Reshetnev – Satélites de Sistemas de Informação em colaboração com a industria espacial russa e com empresas estrangeiras. O Luch-5A irá retransmitir dados enviados por satélites em órbitas baixas, incluindo a estação espacial internacional e em especialos dados do segmento russo, bem como dados de outros veículos espaciais tais como lançadores e estágios superiores. O satélite também é capaz de receber e retransmitir dados do sistema COSPAS-SARSAT, além de correcções de posição do sistema GLONASS aumentando assim a precisão do sistema. O satélite é baseado na plataforma Express-1000A e tinha uma massa de 1.140 kg no lançamento. O seu tempo de vida útil será de 10 anos.

O satélite Amos-5 é um satélite de comunicações construído pela Reshetnev – Satélites de Sistemas de Informação para a Space Communication Ltd., um operador de comunicações de Israel. O satélite irá ocupar a posição 17º longitude Este e irá servir o continente africano. Baseado no modelo Express-1000N, o satélite está equipado com repetidores de banda C (18) e de banda Ku (18). O satélite tinha uma massa de 1.800 kg no lançamento e o seu tempo de vida útil em órbita será de 15 anos.

Imagem: TVRoscosmos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.