A gênese da ignorância sobre alienígenas e OVNIs I – A lógica das Abduções

Trago ao AstroPT um texto do nosso leitor Filipe Leonardo, sobre a ignorância sobre tecnologias de OVNIS… ou, diria eu, mesmo sobre o nosso espaço no universo. Não somos mais do que ninguém e não sei se existirá alguma civilização mais avançada que nós.

Irei dividir o texto em 3 partes para que seja mais fácil de o ler, pois é um pouco extenso, mas interessante.

Quando comecei a escrever esse texto pensei em utilizar trechos de uma publicação que li no site Revista UFO, o título da matéria é “Milhões de pessoas já foram abduzidas“, e o subtítulo: “Estudos indicam que os sequestros por alienígenas aumentam a cada dia“, mas para evitar problemas com direitos autorais, resolvi escrever sobre as alegações que todos conhecem a respeito de OVNIs e abduzidos.

O primeiro ponto que não entendo é como os alienígenas chegam aqui. Uma nave espacial, cujos motores funcionassem a hidrogênio, só para ser acelerada à metade da velocidade da luz, teria que ter mais de 80 vezes a sua massa em combustível, é isto o quê lemos nas publicações de departamentos de física. Este trecho é de um texto do Observatório Astronômico Frei Rosário, do Departamento de Física da UFMG [1].

Uma publicação encontrada no Departamento de Astronomia do Instituto de Física da UFRGS é ainda mais radical:

O Dr. Bernard M. Oliver (1916-1995), diretor de pesquisa e vice-presidente da Hewlett-Packard Corporation e co-diretor do projeto de procura de vida extraterrestre Cyclops da NASA, calculou que para uma espaçonave viajar até esta estrela mais próxima [a estrela Alfa do Centauro] a 70% da velocidade da luz, mesmo com um motor perfeito, que converte 100% do combustível em energia (nenhuma tecnologia futura pode ser melhor que isto), seriam necessários 2,6 × 10^16 Joules, equivalente a toda a energia elétrica produzida em todo o mundo, a partir de todas as fontes, inclusive nuclear, durante 100 mil anos, e ainda assim, levaria 6 anos só para chegar lá“.

Mas o apaixonado por OVNIs, ignorando que o motor converte 100% do combustível em energia, pode dizer “estamos falando de tecnologia humana, a nave alienígena usa uma tecnologia muito mais avançada e que gasta menos combustível“. A publicação da UFRGS responde essa questão: ‘’O importante sobre este cálculo é que ele não depende da tecnologia atual (eficiência de conversão de energia entre 10 e 40%), pois assume um motor perfeito, nem de quem está fazendo a viagem, mas somente das leis de conservação de energia. [2].

Creio que somente estas evidências não sejam suficientes para convencer os leitores mais crédulos da Revista UFO de que visitas alienígenas são menos comuns do que pensamos. Afinal milhões de pessoas estão sendo abduzidas ao redor do mundo sem que nenhum vizinho tenha presenciado o fato, como sugeriu Carl Sagan em seu ótimo livro “O mundo assombrado pelos demônios“.

Mas vamos considerar que os alienígenas estão mesmo aqui. O quê eles têm feito? Segundo uma edição da revista Super Interessante de outubro de 2004, uma pesquisa americana revela que 4 milhões de pessoas dizem ter sido abduzidas, e segundo a mesma revista o “cientista” Budd Hopkins afirma que 2% da população mundial já foi abduzida [3]. Hoje 2% da população mundial seriam aproximadamente 140 milhões de pessoas. Esse é um fato interessante, me pergunto qual é a logística dos sequestros. Em 2012, até meados de fevereiro, duas pessoas eram sequestradas a cada dia no Distrito Federal [4], segundo essa estatística até o final do ano o número de sequestro será 732 (e quando escolhi o Distrito Federal para efeito de comparação de criminosos humanos com alienígenas, me ative ao fato de que por lá há quem acredite que atuem os criminosos mais perigosos do Brasil), este número é insignificante se comparado ao número de sequestros realizados por alienígenas segundo a revista Super Interessante e a possível declaração de Budd Hopkins. Me pergunto também como os alienígenas conseguiram superar em muito o número de sequestros na Colômbia, incluindo sequestros políticos, ocorridos durante 10 anos, que segundo o portal Terra totaliza “apenas” 2600 sequestros [5]. Ademais, tenho que dizer que nem mesmo Budd Hopkins se considera um cientista. A fundação “Intruders”, Intruders que também é o nome de um dos seus livros, o apresenta como um artista e como a figura mais visível no mundo da ufologia [6], a alegada porcentagem obtida por ele não deve ser tão real sem o auxílio de uma pesquisa científica, suponho.

Referências:

[1] Viagens Interestelares, Prof. Renata Las Casas e Divina Mourão http://www.observatorio.ufmg.br/pas09.htm

[2] A origem da vida e vida extraterrestre http://astro.if.ufrgs.br/vida/index.htm

[3] Como os terráqueos são abduzidos http://super.abril.com.br/tecnologia/como-terraqueos-sao-abduzidos-445118.shtml

[4] A cada dia, dois sequestros são registrados no DF, em 2012 já foram 73 http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/cidades/2012/02/09/interna_cidadesdf,289317/a-cada-dia-dois-sequestros-sao-registrados-no-df-em-2012-ja-foram-73.shtml

[5] Colômbia registrou sequestros de 2,6 mil pessoas em 10 anos http://noticias.terra.com.br/mundo/noticias/0,,OI5697599-EI8140,00-Colombia+registrou+sequestros+de+mil+pessoas+em+anos.html

[6] Budd Hopkins http://www.intrudersfoundation.org/budd_hopkins.html

Por Filipe Leonardo

1 comentário

1 ping

  1. Nunca neguei a possibilidade de haver ou ter havido no imenso cosmo alguma “civilização” (talvez até já extinta), porem a possibilidade de termos contato com elas, seja de forma física ou de forma de comunicação, é a coisa mais remota e absurda diante das evidências.
    Ainda prefiro as idéias de Stephen Hawkings sobre o assunto que diz sobre os motivos dessa impossibilidade.
    Só mesmo uma pessoa que nada sabe sobre as dimensões do cosmo pode acreditar nesses “contatos”.
    Passado milhares de anos na nossa humanidade e até hoje não houve sequer nenhuma evidência ou vestígio palpável e inteligível da presença ou de comunicações das civilizações extraterrestres conosco. O que houve são especulações ou oportunismo por parte de quem leva esse assunto “a sério”, algo que mais se aproxima á dogmas religiosos do que a ciência pura.

  1. […] de Naves Extraterrestres. Fenómenos Atmosféricos Luminosos Transitórios (Sprites). Abduções (tecnologias, propósito). Detectar. Crítica. Sagan. Tyson. Feynman. Mori. Bill Clinton. Associações. TV com […]

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.