O Sol nem é tão grande assim…

Em meu artigo de estreia no blog, publicado no último dia 30, fiz uma comparação entre as dimensões do Sol e de Antares, estrela supergigante vermelha situada na constelação de Escorpião. Para conferir esse texto, basta clicar aqui.

Aliás, ainda nesse ponto de escalas, há um vídeo bastante interessante. A produção ilustra as disparidades dimensionais entre diversos corpos celestes, desde os planetas do Sistema Solar até VY Canis Majoris, hipergigante vermelha, da constelação de Cão Maior, 5.000 anos-luz da Terra.

Astro-rei que me perdoe… Mas convenhamos que ele nem é tão grande assim!

2 comentários

1 ping

    • Dirceu Melanchauski on 11/06/2012 at 00:28
    • Responder

    Com toda essa tecnologia que vivemos vamos encontrar coisas do “outro Mundo” aguardem!

    • Nuno José Almeida on 10/06/2012 at 10:20
    • Responder

    E não têm nada que em vez de mostrar o tamanho que mostre as distâncias, é que as representações por exemplo do nosso sistema solar enganem sempre quem não entende o que são representações. Outra distância interessante (relativamente ao tamanho das partículas obviamente) é a do núcleo aos electrões num átomo.

  1. […] Quantas Terras no Sol. Sistema Solar. Planetas. Jupiterianos. Júpiter condescendente. Sol pequeno. Antares. VY Canis Majoris. Nossa posição na Galáxia. Perspectiva. Perspectiva Temporal. […]

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.