Jun 20

Bem-Vindos à Ciência

Gavin Aung Than utiliza citações famosas e cria espantosos cartoons com elas, no website Zen Pencils.
Ele autorizou o astroPT a traduzir alguns dos seus cartoons.

Assim, aqui fica este cartoon, criado pelo Gavin, com as palavras do Phil Plait, que podem ver no original aqui, adaptado para português para o astroPT pela Diana Barbosa e Manel Rosa Martins:

25 comentários

1 ping

Passar directamente para o formulário dos comentários,

  1. O Gavin tem uma bela maneira de comunicar ciência!
    Parece-me um excelente complemento aos textos inspiradores que aqui estamos a publicar.
    Foi um prazer trabalhar com estes materiais 😉
    Obrigada ao Gavin por nos autorizar a fazê-lo!!

    1. Estou a adorar estes cartoons do Gavin. Venham mais. 😉
      E já agora, parabéns a ti Diana e ao Manel pelo excelente trabalho na tradução destes textos.

      1. Obrigada! 😉

        • Manel Rosa Martins on 20/06/2012 at 15:11

        Como são textos informais, a Diana decidiu manter “fenda na crosta” para explicar uma fumarola. É uma imprecisão do autor, as fumarolas não funcionam usualmente com fendas, funcionam por infiltrações de água fria até 80 Km de profundidade na magma, e depois expelem os materiais químicos pelo mecanismo do choque térmico.

        Essas infiltrações de água são essencialmente pelo ciclo da água e do carbono, pelo mecanismo de acidificação, que é como se chama a infiltração de carbono levado pela água da chuva através da porosidade da rocha. Fenda será correcto como uma formação geológica que pode estar, mas normalmente não está (tanto quanto sabemos) nas fumarolas, Chamam-se infiltrações que podem ser até pelos cones de vulcões inactivos submersos.

        É um detalhe porque o que importa é que as estas formas de vida prosperam a mais de 35o ºCelsius.

        Mas como é um termo bastante impreciso fica aqui este comentário.

        Obrigado Sérgio :))

        Ps- e também é verdade que eu sou muito dado a detalhes de somenos importância nas traduções :)))

      2. Olá Manel

        E ainda bem que olhas para os detalhes. Não só poderão ser importantes, como também ganhamos assim uma oportunidade para aprender algo. 😉

      3. Manel,

        O teu comentário trouxe-me à memória o meu primeiro artigo aqui no AstroPT: http://www.astropt.org/2010/02/23/cidade-perdida/. 🙂

        • Manel Rosa Martins on 20/06/2012 at 17:32

        “William Martin identificou uma série de vias metabólicas simples que poderiam ter sido facilmente reproduzidas em ambientes confinados como o dos microcompartimentos das fontes hidrotermais alcalinas.
        A acumulação de ácidos gordos no interior dos microcompartimentos poderiam ter conduzido à formação espontânea de uma bicamada lipídica semelhante às membranas citoplasmáticas dos procariotas.”

        As fracturas ou fissuras é que são as formações geológicas em questão, como se vê bem na carta de batimétrica que está no teu artigo, daí as minhas reticências para palavra muito geral “fendas”, pois a pessoas poderiam pensar tratar-se duma fenda como se vê numa parede, são fissuras com centenas de km.

        E Diana, vê a profundidade desta zona de hidrotermais, são nas montanhas submersas, não no fundo e até algumas fumarloas, as furnas, nos Açores, estão bem à superfície.

        Muitíssimo bom o teu post Sérgio, temos que fazer um post sobre o Projecto Rainbow.

        O futuro do nosso país pode muito bem passar, e de forma muito constructiva, pelo projecto Rainbow, que é a exploração dos fundos (não dos fluxos, isso é ZEE, para as pescas) mas sem extracção de petróleo, é pelas moléculas que se podem processar de muitos organismos que vivem junto destas fumarolas, e para mais sem lhes fazer mal, apenas retirando uma amostra microscópica.

        Por essa razão de interesse nacional e global superior tb fui um pouco picuinhas, mas isto tem que ser o melhor possível explicado aos Portugueses.

        Mais, o projecto Rainbow tem que passar ao debate nacional, a ser uma opção nos Liceus para prepararmos desde já os mais novos para as profissões bem pagas de futuro, estas actividades têm centenas de profissões diferentes que exigem muita preparação técnica e científica.

        Acho que não preciso de explicar a nenhum Português como é importante, crucial, termos um objectivo nacional de futuro.

        Mas temos que trabalhar para isso, as moléculas não vêm a correr do fundo do Mar ter connosco!

        Excelente post o teu, deveria ser mostrado em todos as escolas secundárias de Portugal.

      4. Obrigado Manel pelas tuas palavras! 🙂

      5. Não conhecia o teu artigo, Sérgio.
        Muito interessante!

        • Manel Rosa Martins on 20/06/2012 at 23:43

        Rectificaram para “fissura” e sei que foi a pedido da Diana depois dum debate que tivémos, Que belo espirito este o do Astro Pt, e foi um óptimo pretexto para todos vermos o excelente post do Sérgio.

        Obrigado Diana, Carlos e Sérgio. 🙂

  2. Adorei os cartoons. Parabéns ao autor e ao astropt por divulgar.

  3. “Nenhum vidente, por muito que o afirme, ajudou a polícia a resolver um crime.”

    Claro que ajudou, hehehe: http://www.imdb.com/title/tt1196946/

    1. Mentalista não é o mesmo que vidente!
      Ele não prevê o futuro, simplesmente “lê” bem as pessoas.
      São técnicas que podem ser treinadas por quem quiser, embora suponho que algum talento próprio ajude.

      Pode aprender aqui 😉

      http://www.astropt.org/2012/01/10/a-leitura-a-frio-astrologia-tarot-leitura-de-auras-etc-como-se-faz/

        • mr. shankly on 20/06/2012 at 16:08

        Então e a Allison Dubois? 🙂

        • Manel Rosa Martins on 20/06/2012 at 17:40

        O mentalista é uma série de TV divertida. Faz lembrar as séries passadas em Hospitais, caso os médicos e os enfermeiros fizessem o que se vê na TV nessas séries matavam os doentes todos mais algum gato que fosse a passear pelo jardim.

        :)) se quiser pode usar a palavra vigarista em vez de vidente que são definições exactamente iguais.

        Abraço.

      1. Allison DuBois, quem?

        Aquela que diz mentiras?

        http://skeptico.blogs.com/skeptico/2006/12/dubois_wrong.html

        “Her alleged powers as a medium were tested by Gary Schwartz of the University of Arizona. While Schwartz claims that his research supports DuBois’s psychic abilities, skeptics are quick to point out the flaws in both Allison’s claims and Schwartz’s research.[1] Some of her claims regarding work done in high profile investigations, such as her description of the Baseline rapist, have been shown to be either incorrect or of little investigative value.[2]”
        Wikipedia
        (1) http://www.randi.org/jr/012105the.html#5
        (2) http://www.phoenixnewtimes.com/2008-06-12/news/there-s-no-good-proof-the-real-medium-allison-dubois-has-ever-cracked-a-case-but-her-fans-don-t-care/

        Mais aqui:
        http://skeptico.blogs.com/skeptico/2006/12/dubois_wrong.html

  4. Cartoon e texto muito bem pensados.

    Já pensaaram em fazer algo parecido com alguns cartoons selecionados do site Tree Lobsters? Eles também têm alguns muito bons:

    http://www.treelobsters.com/2009/01/perspective.html
    http://www.treelobsters.com/2009/08/75-but-wait-theres-more.html
    http://www.treelobsters.com/2009/01/carpe-ovum.html

    e muitos outros…

    • Cavalcanti on 20/06/2012 at 15:21
    • Responder

    Excelente cartoon!

    Percebei que a Diana está participando deste (11º quadrinho) 😉 (risos) 😛

    Mais uma vez, parabéns a ambos pelo excelente trabalho.

    1. 😀
      Obrigada!

        • Manel Rosa Martins on 20/06/2012 at 17:34

        Obrigado Cavalcanti, um abraço.

    • Renato Romão on 20/06/2012 at 19:19
    • Responder

    Gostei principalmente da analogia a leigos muito curiosos (como eu) no final. 🙂

    Talvez seja esta a melhor forma de transmitir conhecimento a quem não tem paciência de perder tempo a ler textos. Enfim… Quem gosta… Gosta.

    Continuem com vosso óptimo trabalho.
    Por este andar o José terá de abrir uma secção para banda desenhada na revista mensal. 🙂

    Abraços

  5. Caramba! E não é que emocionei-me?

      • Manel Rosa Martins on 21/06/2012 at 01:26
      • Responder

      É natural Vinicius, perante as possibilidades que todos temos de descobrir o mundo e o Universo que nos rodeia.

      É emocionante, que boa descrição fez, melhor ainda o facto de a ter exprimido. :))

      Tenha uma boa noite de Solstício, com saudações cordiais.

  6. Desculpe minha desinformação, rs… mas sobre o código genético não foi um criacionista que descobriu ou algo do tipo? (Obs: não creio no criacionismo)

    1. http://en.wikipedia.org/wiki/Genetic_code#Discovery

      Qual deles era criacionista?

      abraços

  1. […] – Ciência Importante: Porquê? Vida Secreta dos Cientistas. Hino à Astronomia. Bem-Vindos à Ciência. Feynman, descobre. História do Conhecimento. 7 Equações que governam o […]

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.