Região 1515 produz duas fortes fulgurações

Depois de um período de alguns dias de fraca actividade, o Sol voltou ontem a exibir o seu poder com duas fulgurações classe M na região activa 1515. A primeira ocorreu pelas 11:52 (hora de Lisboa) e esteve associada a distúrbios temporários na propagação de ondas rádio de baixa frequência por toda a Europa, e à libertação de uma ejecção de massa coronal direccionada para sul do plano das órbitas dos planetas. A segunda fulguração ocorreu há poucas horas, pelas 21:07 (hora de Lisboa), e foi consideravelmente mais fraca que a primeira. A região mantém uma configuração magnética beta-gama-delta, pelo que se espera mais acção nos próximos dias.


A fulguração classe M5,6 da manhã de ontem vista pelo Solar Dynamics Observatory no ultravioleta extremo (131 Å).
Crédito: SDO(NASA)/AIA consortium.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.