Set 16

Como será a vida extraterrestre?

8 comentários

1 ping

Passar directamente para o formulário dos comentários,

  1. “como deve ser” é muito redutor.
    Pq não admitir que o terceiro pode existir?? hihihihi ]:-D

      • Graciete Virgínia Rietsch Monteiro Fernandes on 17/09/2012 at 13:00
      • Responder

      Quanto à existência de vida extra terrestre, não tenho grandes dúvidas. Pois se há vida, mesmo organizada, nas condições mais extremas do nosso planeta, porque não poderá existir no imenso Universo? Semelhante à nossa é que eu acho praticamente impossível, pois será difícil reproduzir as condições que permitiram a sua evolução. Cumprimentos.

  2. Quanto à vida extraterrestre, sejamos honestos… ninguém sabe.

    Quanto às formas de vida inteligentes, a coisa já é diferente. Toda a gente sabe que os ET’s suficientemente inteligentes para cá chegarem são todos parecidos: têm uma forma humanóide e uma caixa craniana bastante volumosa.
    Também se sabe que têm hobbies peculiares: Gostam tanto de pregar partidas aos humanos que vêm de muito longe só para pisar uns campos de centeio e de trigo para fazer uns desenhos engraçados, tudo às escondidas. Também são uns tipos muito curiosos: gostam de raptar alguns espécimes humanos para estudar o corpo e, com frequência, fazer umas experiências sexuais com eles.
    O mais caricato é que em termos de navegação devem ser uns nabos. Não devem ter sonares nem radares ou algo parecido e precisam de equipar as suas naves com luzes exteriores para se orientarem à noite. Se calhar é por isso que eles cá têm vindo… espionagem industrial… querem ver se conseguem roubar-nos essa tecnologia. Aqui na Terra, qualquer barco de pesca tem um radar e por isso não precisa de faróis para navegar à noite, mas… shiuuu eles não podem saber…

  3. Neste ponto, tenho uma opinião um pouco ‘exôtica’!!!
    Daquilo que sabemos do Universo, tanto sobre elementos básicos, como na estrutura, existe um padrão de repetição generalizado, portanto não ficaria supreendido de que a vida ET, mesmo a mais básica, tivesse propriedades parecidas com aquelas que nós conhecemos, pelo menos na sua origem, depois a evolução trataria de fazer as diferenças… Mas também é óbvio, que qualquer especulação que possamos fazer, está seriamente limitada, pelo nosso conhecimento muito, mas mesmo muito, limitado…

    Abraços

    • Fabricio Trepicci Ferreira on 17/09/2012 at 17:02
    • Responder

    Enquanto nos Eua eles tem o Alien, o 8° Passageiro, Edgard do M.I.B., Predador, nós brasileiros temos esse:
    http://www.youtube.com/watch?v=G2PMfsV0UBM

    1. Eu também tenho máscaras de extraterrestre 😛
      Aliás, as minhas filmagens são melhores que essa 🙂

  4. Carlos, vida fora da terra então, só bactérias?!

    Uma raça superior a nossa, não existe a possibilidade de existir?! porque?!
    Desculpa a ignorância, esses assuntos são muito confusos e complexos, ainda mais quando nossa rotina diária não tem nada a ver com esse tipo de assunto, o que é uma pena!

    1. Não, eu nunca disse isso.

      Se você olhar para a Terra, o que existe mais são bactérias. E existem em todos os terrenos. E sempre existiram na Terra praticamente desde o início… há mais de 4 bilhões (brasileiros) de anos.
      O Homem chegou agora, há somente 200 mil anos e vive num ambiente muito específico. Em termos probabilísticos, as bactérias são muito superiores a nós.

      abraços

      P.S.: as bactérias vivem bem sem humanos. Já Humanos sem bactérias não existiriam. Você tem milhões delas… só no fígado. Multiplique pelo resto do seu corpo 😉

  1. […] – Astrobiologia (tag): como é vista. Mensagens. Tweets. Detectar e Contactar ETs. Sinal WOW. Hawking. Palestras. Jill Tarter. […]

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.