Onde no mundo lusófono – Atol das Rocas

Aqui está o quarto desafio da série “Onde no mundo lusófono”. Deixem os vossos palpites nos comentários durante esta semana (os comentários vão sendo temporariamente embargados para não influenciarem os outros leitores). A resposta correcta será divulgada no próximo Sábado, antes da publicação do próximo desafio.

Observem com atenção esta imagem:

Qual é o nome deste atol?

Resposta ao desafio:

Esta é uma imagem do Atol das Rocas obtida a 03 de Março de 2012 a partir da Estação Espacial Internacional (ID da imagem: ISS022-E-79938).

Situado no Oceano Atlântico, a cerca de 260 quilómetros de distância da cidade do Natal, no Brasil, o Atol das Rocas é um recife coralino com 3,5 km de comprimento e 2,5 km de largura, formado sobre um antigo vulcão submarino pertencente à zona de fractura de Fernando de Noronha. Na maré alta, apenas duas ilhas arenosas espreitam acima das águas, a ilha do Farol e a ilha do Cemitério (a mais pequena das duas). Nas águas pouco profundas em redor do atol abriga-se uma ictiofauna muito diversificada, facto que justifica a sua inclusão na lista de reservas biológicas com inscrição na UNESCO.

9 comentários

Passar directamente para o formulário dos comentários,

    • Lai Lai Canela Lopes on 15/10/2012 at 23:02
    • Responder

    Ilha de Santa Maria nos Açores.

    • Fernando Simões on 15/10/2012 at 12:05
    • Responder

    Atol das Rocas ( perto do arquipélago de Fernando de Noronha).
    Esta foi muito fácil (google), se não tivesses referido a palavra atol…., tinha sido um desafio maior.

    1. Olá Fernando,

      Reparei nisso pouco depois de ter publicado o desafio. Terei mais cuidado nos próximos. 😉

  1. Atol das Rocas, Natal, Brasil

  2. Atol das Rocas, Brasil

  3. Atol das Rochas.
    Localizado a oeste do arquipélago de Fernando de Noronha, no Brasil.

  4. Atol das Rocas, Brasil.

  5. Mais uma vez, este passatempo perde todo o interesse se não colocam os links quando sai o resultado. A maioria das pessoas não está com paciência para todos os sábados (isto assumindo que se lembram no sábado de ir ver) andar a percorrer páginas e páginas de posts (ainda por cima num blogue que publica tanta coisa – e ainda bem que o faz!) para procurar a resposta.

    1. Miguel,

      Não precisa andar à procura dele 😉
      Todos os desafios têm o TAG “desafios”, por isso basta clicar nesse tag na nuvem de “etiquetas” à direita do blog, que lhe aparece logo isso 😉
      Mas até para os leitores não terem esse trabalho mínimo, o post encontra-se *sempre* na parte de cima do blog até ser dada a resposta certa. Se entrar no blog, o primeiro post que vê é esse.

      abraços!

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.