NASA observa asteróide 2007 PA8

Imagens de radar do asteróide 2007 PA8 obtidas entre 31 de Outubro e 13 de Novembro pela antena de 70 metros do Deep Space Network de Goldstone, Califórnia, EUA.
Crédito: NASA/JPL-Caltech.

No passado dia 05 de Novembro, o asteróide (214869) 2007 PA8 aproximou-se a apenas 0,043 UA da Terra (cerca de 17 vezes a distância média Terra-Lua), uma distância que o tornou num alvo favorável para  uma série de observações com as antenas de radar do Deep Space Network de Goldstone, na Califórnia, EUA. Os dados recolhidos durante a campanha permitiram aos cientistas da NASA diminuir drasticamente as incertezas da sua órbita, e assim recalcular a sua trajectória com grande precisão para os próximos 632 anos, período no qual não constituirá qualquer ameaça ao nosso planeta. A passagem deste ano foi a mais próxima da Terra desde 1880, e não terá paralelo pelo menos até 2488, quando o asteróide se aproximar a apenas 5,8 milhões de quilómetros (cerca de 15 vezes a distância Terra-Lua).
As imagens de radar obtidas em Goldstone mostram que 2007 PA8 é um objecto alongado com 1,5 a 2,0 quilómetros de diâmetro, com um período de rotação excepcionalmente longo (entre 3 a 4 dias). Em algumas imagens é possível vislumbrar alguns pormenores da sua superfície, incluindo possíveis crateras, cristas e rochedos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.