O que diriam os Jupiterianos da Terra ?

Bem, na minha opinião, parece-me evidente que os Jupiterianos diriam que a Terra é um planeta-anão.
Se é que lhe dariam estatuto tão grande… poderiam somente considerar a Terra como uma poeirita sem importância.
😉

Ou seja, para mim, o grupo que está contra a classificação de Plutão como planeta-anão, acabou de dar mais um tiro no pé 😛

7 comentários

1 ping

Passar directamente para o formulário dos comentários,

  1. Se queremos ser reconhecidos pelos jupiterianos, manda a boa educação que reconheçamos os plutonianos como gente grande.
    Ou seja, mais uma vitória para o pequeno-grande Plutão.

  2. Um dia cheguei a imaginar como seria se por de alguma forma incompreensível existisse alguma forma de vida lá em Jupter, e que tivesse os conhecimentos técnicos a altura da nossa.

    Na prática, eles acreditariam que só existiriam, eles.
    Nem saberiam que existe um universo ou mesmo o Sol.

    Porque não da pra ver o céu, em Jupter se estiver a milhares de Km abaixo do limite atmosférico, porque tem muitas núvens.
    E também não haveria como um foguete sair de Jupter, porque a atração gravitacional seria muito grande.

    Então oq os Jupterianos pensariam da Terra?
    Nada, eles nem saberiam que existimos.,.

    1. Boa tese

  3. Que notícia mais sem graça…

    1. Por acaso, é o contrário.

      A não compreensão da natureza da ciência faz com que as pessoas vejam convenções humanas como se fossem classificações universais da ciência.
      Mas é uma simples questão de escalas e de perspectiva.

      Se as pessoas percebessem isso, o mundo seria muito melhor:
      http://www.astropt.org/2010/01/30/mensagem-de-sagan/

      abraços

  4. E tem “coisa” maior por né…

    1. Há planetas extrasolares maiores. E as estrelas são muito maiores 😉

      abraços

  1. […] palco. Indiferença. IMAX. Sol-Terra. Mancha-Terra. Quantas Terras no Sol. Sistema Solar. Planetas. Jupiterianos. Júpiter condescendente. Sol pequeno. Antares. VY Canis Majoris. Nossa posição na Galáxia. […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.