Dez 06

A nossa obsessão pelo fim-do-mundo

O site da BBC traz um artigo interessante sobre o medo do fim-do-mundo, aqui.

Dá-nos uma breve perspectiva histórica, mencionando que pelo menos desde 1840, todas as décadas têm sempre pelo menos 2 datas de fim-do-mundo, em que milhares ou milhões de pessoas irracionalmente acreditam, e mesmo nunca acontecendo nada, estupidamente as pessoas tornam a acreditar nos vigaristas que lhes dizem que “agora é que é”.
Dá o exemplo de 31 de Dezembro de 1999, e de 2003 em que supostamente o inventado planeta Nibiru iria colidir connosco.
Também refere Newton, que já no seu tempo se via a batalhar com estas parvoíces. Aliás, diz o texto, ele nunca acreditou no fim-do-mundo, e para comprovar isso existe uma carta escrita por ele em 1704 em que ele diz que se devia pôr um fim a todos os vigaristas que profetizam o fim-do-mundo (que já no tempo dele, era uma praga), e na carta ele até diz que ninguém pode dar uma data de fim-do-mundo e que tem a certeza que antes de 2060 não será certamente.

Também refere um estudo da Reuters que chegou à conclusão que 15% das pessoas em todo o mundo, e 25% dos Americanos, acreditam erradamente que o mundo vai acabar proximamente.

Utilizando as palavras de Carl Sagan: é completamente paradoxal que se viva numa sociedade científica e haver tanta gente que nega esse mesmo conhecimento científico que utilizam diariamente.

6 comentários

2 pings

Passar directamente para o formulário dos comentários,

  1. obsessão 😉

    1. oops…

      Obrigado!

      Já corrigi 😉

  2. Ainda ontem no Youtube acabei “caindo” em um vídeo de um sujeito se dizendo cientista que afirmava ter provas da existência de uma anã marrom (anã castanha aí né?) na borda do sistema solar. Ele usou o Google Earth para demonstrar que estava “certo”. Infelizmente não eram permitidos comentários no vídeo.

      1. Hahaha! É isso mesmo. Como você adivinhou? Obviamente você tem poderes paranormais. Essa é a única explicação plausível. 🙂

  3. Só uma coisa não podemos dizer do fim do mundo…

    Que ele nunca ocorrerá 🙂

  1. […] Em 2060, segundo as anotações pessoais de Sir Isaac Newton, o mundo acabaria numa grande festa rave sabe-se lá de que […]

  2. […] Oreo. Tempo. Instruções. Abertura de telejornais. Mitos. AstroPT Maia. Sondagem. Psicologia. Obsessão. Programação. Música (aqui). Lista: várias + wikipedia + 10 + 11 + Furadas + inutilidade + […]

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.