Balanço Facebook

O AstroPT tem tido uma relação estranha com o Facebook.
Como todos nós fazemos isto voluntariamente, porque todos nós temos os nossos próprios trabalhos na ciência, então nunca demos grande relevância ao Facebook.

Daí que sempre tivemos um Perfil no Facebook. Isso obviamente nunca nos permitiu ter mais que 5.000 amigos.
O nosso Facebook estava, desta forma, “fechado” a somente quem pedisse amizade e aprovássemos.
Durante mais de 5 anos e meio foi assim.

Em Novembro de 2012 (5 anos e 7 meses após a criação do AstroPT), finalmente decidimos mudar para uma Página de Facebook.
Nessa altura, decidimos abrir o Facebook a toda a gente.
Essa página está aqui.

Nessa altura, a 10 de Novembro de 2012, tínhamos 4.864 fãs.
Foi nesta altura que realmente começamos a apostar no Facebook e a divulgar as nossas notícias nessa rede social.

astropt facebook

Em somente 4 meses, em Fevereiro de 2013, atingimos 10.000 fãs.
Pouco mais de 1 mês depois, atingimos os 20.000 fãs.

Neste momento, em cerca de somente 6 meses de sermos Página de Facebook, temos já um número superior a 26 mil fãs.

26 mil

Lá para o fim do ano, se tudo correr bem, talvez possamos ter 50 mil fãs. Penso que será esse o objectivo neste momento.

1 comentário

4 pings

  1. Acho que precisava de uma forma rápida de contato e resposta para perguntarmos coisas ou sugerirmos postagens. Eu prefiro a rede da Google.

  1. […] uma Página de Facebook do AstroPT a 10 de Novembro de 2012, quando tínhamos cerca de 5.000 fãs. A 14 de Fevereiro de 2013 – 3 meses depois – atingimos a […]

  2. […] uma Página de Facebook do AstroPT a 10 de Novembro de 2012, quando tínhamos cerca de 5.000 fãs. A 14 de Fevereiro de 2013 – 3 meses depois – atingimos a […]

  3. […] uma Página de Facebook do AstroPT a 10 de Novembro de 2012, quando tínhamos cerca de 5.000 fãs. A 14 de Fevereiro de 2013 – 2 meses depois – atingimos a […]

  4. […] uma Página de Facebook do AstroPT a 10 de Novembro de 2012, quando tínhamos cerca de 5.000 fãs. A 14 de Fevereiro de 2013 – 2 meses depois – atingimos a […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.