10 mil artigos

Cerca de 6 anos e meio após o começo do blog, atingimos o número de 10.000 artigos publicados!
Em média, publicamos cerca de 4 artigos por dia.

Curiosamente, atingimos também o valor de 35 mil comentários recebidos no blog.

artigos

11 comentários

3 pings

Passar directamente para o formulário dos comentários,

    • Rafael Ligeiro on 01/10/2013 at 19:19
    • Responder

    Haverá uma festa para celebrar a marca atingida pelo AstroPt, com a presença de todos os colaboradores, aí em Portugal. O Carlos até prometeu pagar minha passagem aérea. Primeira classe, lógico.

    1. LOL 😀

      Se mudar para Rafaela, vejo essa proposta com mais seriedade LOLLLLLL 😀

        • Rafael Ligeiro on 01/10/2013 at 19:46

        Hipótese completamente descartada! kkk

  1. Parabéns ao astropt pelo trabalho formidável. Estão todos de parabéns !!
    Já agora, sabem o que está a acontecer com o site da Nasa? será temporário? Abraço e boa continuação.

    1. http://www.jpl.nasa.gov/

      “Federal Government Shutdown
      Due to the lapse in federal government funding, this website is not being updated. We also cannot respond to comments/questions. We sincerely regret this inconvenience.”

    2. http://notice.usa.gov/

    3. Publiquei um artigo sobre isso 😉
      http://www.astropt.org/2013/10/01/nasa-atacada-por-incompetencia-politica/

  2. quem paga o bolo?

    1. 🙂

    • José Eduardo de Souza Silva on 01/10/2013 at 03:58
    • Responder

    Parabéns a todos e agradeço sempre pelo conhecimento compartilhado. Considero de grande importância o trabalho de todos, por nos oferecer a correta divulgação da ciência. Obrigado!!!

    1. Obrigado nós pela preferência 😉

  1. […] Temos mais de 10 mil artigos […]

  2. […] – astroPT: 7 anos. Balanço. 10.000 Artigos. Recordes. 8 milhões visualizações. Evolução. Blogómetro. Oferta Livros (1). Comentadores. […]

  3. […] Temos mais de 10 mil artigos […]

Responder a Rafael Ligeiro Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.