asteroide 2000 EM26 perdeu-se

asteroid_1551402c

O asteroide 2000 EM26 passou relativamente perto da Terra no dia 18 de Fevereiro.
Na altura, publicamos este post para as pessoas verem em direto essa passagem.

O asteroide tem um máximo de 270 metros de diâmetro, viaja a 12.37km/s, e passou a mais de 3 milhões de quilómetros de distância (quase 9 vezes a distância entre a Terra e a Lua).

Asteroid2000EM26-NearEarthEncounter-20140217

O problema é que… o asteroide não apareceu. Devido a isto, já ganhou o apelido de Moby Dick.

Das duas uma:
– ou a órbita do asteroide estava errada (só foi visto durante 9 dias há 14 anos, por isso há probabilidade de erros no cálculo da órbita que podem ter acumulado ao longo destes anos);
– ou o asteroide tem um brilho inferior ao esperado (magnitude aparente de 15).

Isto é uma situação relativamente “normal”, tendo em conta as incertezas iniciais.
Agora, a comunidade de astrónomos amadores pretende apontar os seus telescópios para tentar encontrar o asteroide.

5 comentários

1 ping

Passar directamente para o formulário dos comentários,

  1. As vezes fico curioso….Como conseguem calcualar a orbita de um asteroide……?
    Pode ter erros na hora do calculo ?

    : )

    1. Atente nos números: 2, 4, 6, 8.
      Qual é o próximo número?

      Da mesma forma, num cometa, vemos que ele tem esta órbita: ….
      Por onde ele vai a seguir? Em frente, certo? 😉 Será: ……..

      Ao termos vários pontos de órbita de um cometa, é possível perceber para onde ele irá a seguir 😉

      Quanto mais pontos tivermos, mais fácil é calcular a sua órbita.
      Se tivermos poucos pontos (2, por exemplo), o grau de incerteza é enorme 😉

      abraços

        • Pedro lucas on 03/11/2014 at 02:03

        Obrigado doutor

        Abraços

  2. Sei é que num momento imediatamente posterior ao momento que ele estaria mais próximo, ocorreu a visualização de um grande meteorito na Argentina.
    Pode até ter sido um pedaço dele, ou até mesmo ele inteiro..

    Apesar de que já foi informado pela Nasa que ele não teria nada a ver com ele..
    Mas.. vai que tem né => http://actualidad.rt.com/ciencias/view/120282-meteorito-asteroide-argentina-nasa

    1. Não tem nada a ver com este asteroide.
      Este asteroide estava muito longe da Terra. Muito longe mesmo, como é explicado no post.

  1. […] 2011 CQ1. Tempel 1. Toutatis. 2005 YU55. 2012 DA14 (características, risco de bater em 2110). 2000 EM26 perdeu-se. 2014 AA. Chariklo tem 2 aneis. P/2013 P5 tem 6 caudas. Portugal. Bólides. Indonésia. Canadá. […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.