Esta noite temos um Eclipse Lunar

eclipse

Como podem ver no lado direito deste blog, a Lua está Cheia.
Eclipses lunares só acontecem durante a Lua Cheia.

eclipselunartotal-size-620

Devido ao alinhamento do Sol, Lua, e Terra, esta noite dar-se-à um eclipse lunar.
A sombra da Terra cobre a superfície da Lua (eclipse lunar total).

eclipse

A luz do Sol passa pela atmosfera terrestre, e é curvada antes de chegar à Lua. Na verdade, existe uma refração e dispersão da luz solar na nossa atmosfera e assim a Lua parecerá avermelhada.

“(…) a Lua vai adquirindo uma coloração avermelhada. Mas por que, se a Terra está bloqueando a luz que vem do Sol? A resposta vem da presença da atmosfera terrestre. Nossa atmosfera é um meio translúcido à luz, mas de forma seletiva. Ela espalha muito mais a luz azul do que a vermelha (razão porque o nosso céu é azul). Isto significa que ao passar rasante à superfície da Terra e atravessar uma porção grande da atmosfera terrestre, a luz azul será praticamente toda espalhada, mas a luz vermelha seguirá seu caminho. Além de ser seletiva, a atmosfera terrestre também é um meio refrator. Isto significa que ela agirá como uma “lente”, focando a luz vermelha que passa através dela para dentro do cone de sombra da Terra. Assim, essa pouca luz vermelha que passa por nossa atmosfera acaba por iluminar a Lua.” (crédito: Gabriel Rodrigues Hickel)

10157345_748369325193286_6714939413483237593_n

É uma cor aparente. É uma cor que vemos devido a estarmos a observar a Lua através da nossa atmosfera. Mas a Lua não está vermelha. Não tem nada a ver com a cor real da Lua.

O eclipse total da Lua desta noite pode ser visto no leste da Ásia, Austrália, Canadá, EUA, México, América do Sul, Antártica…

2014-04-15T

Em Portugal, não se assistirá a este evento.

O eclipse total da Lua pode ser visto em todo o Brasil, entre as 3 da manhã e as 5 da manhã (hora de Brasília).

eclipse visibilidade

“Por volta das 02:58 a Lua começará a entrar na umbra, o que marca o início da fase visível do eclipse propriamente dito. Por volta das 04:07 da madrugada a Lua estará completamente imersa na umbra da Terra, o que marca o início da fase total do eclipse. O meio do eclipse ocorrerá às 04:47 da madrugada. Em torno das 05:25, já com a aurora começando a despontar, a Lua começará a deixar a umbra da Terra. Portanto, para as regiões mais orientais do Brasil, o dia estará raiando e a Lua irá se pôr antes do eclipse acabar. Em torno das 06:33 da manhã de 15/Abril, a Lua deixa completamente a umbra da Terra, marcando o fim da parte visível do eclipse.” (crédito: Gabriel Rodrigues Hickel)

Este gráfico, na página da NASA, está com horário de Nova Iorque.

Este gráfico, na página da NASA, está com horário de Nova Iorque.

Notem que isto é um fenómeno natural e frequente, e nada tem de apocalíptico nem de “sangrento”, como alguns websites mentirosos quiseram fazer crer (leiam aqui, aqui, e aqui).

Se estivessémos na Lua, veríamos um eclipse solar total:

Vejam 20 belíssimas imagens do Eclipse Lunar de 2010, aqui.

Historicamente interessante é o facto de que foi um Eclipse Lunar que salvou Cristóvão Colombo, como se pode ler aqui.

Vejam o evento a partir do Brasil:

Vejam o evento a partir do Brasil:

Vejam o evento a partir dos EUA (sobretudo Califórnia):

Vejam o evento a partir dos EUA:



Video streaming by Ustream

Vejam o evento a partir do Peru:

4 comentários

4 pings

Passar directamente para o formulário dos comentários,

    • Felipe Sarinho on 15/04/2014 at 16:35
    • Responder

    enquanto todos diziam que a lua estaria pintada de sangue, para mim ela estava castanha, mas não deixou de ser um belo espetaculo apesar das nuvens

    1. Sim, é um avermelhado acastanhado… 😉

  1. Olá Carlos,

    não percebo muito disto, estou em Timor Leste, achas que consigo fotografar o eclipse daqui?

    Abraço,
    Obrigado

    1. Olá, Filipe

      O eclipse terminou há algumas horas, exactamente na altura em que a Lua se elevava acima do horizonte em Timor Leste, como pode confirmar neste mapa. Ou seja, mesmo que fosse a tempo, nunca iria conseguir fotografá-lo.

      As condições serão significativamente melhores no eclipse do próximo mês de Outubro: http://eclipse.gsfc.nasa.gov/OH/OHfigures/OH2014-Fig03.pdf. 😉

      Abraços

  1. […] 15 de Abril de 2014, tivemos um eclipse total da Lua. Esta sequência do eclipse foi feita sobre o Lago Waterton, em […]

  2. […] eclipses lunares só acontecem durante a Lua Cheia. Mas nem todas as Luas Cheias produzem eclipses lunares, porque o […]

  3. […] eclipse foi o segundo de 4 eclipses lunares totais consecutivos. O próximo será a 4 de Abril de […]

  4. […] com 12 fotos e vídeo, 2010, 2009, noite), Parcial, Anelar (2010, 2008), Híbrido (2013). Lunar (2014, 2013, 2011 com explicação e transmissão e fotos, 2010, 2008). Próximos. Luas Sangrentas: […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.