Planeta 51

planet51

Habitantes do Planeta 51 vivem com medo de uma invasão espacial.
A paranoia concretiza-se quando um astronauta humano aterra lá!

O astronauta pensava que o planeta era desabitado, mas afinal o planeta está cheio de pequenas e inteligentes criaturas verdes.
Ele é perseguido por ser “extraplanetário” e tem que fugir deles para não ir parar ao Museu dos Invasores Espaciais (que ainda não tem qualquer residente).

Planeta 51 é um filme de animação de que gostei bastante. Já o vi diversas vezes e adorei!

planet51-14

No Planeta 51 chove… pedras 🙂

Os habitantes do Planeta 51 consideram que:
– o Universo é enorme… com cerca de 800 quilómetros de comprimento 😛
– o Universo tem um número praticamente infinito de estrelas… ou seja, mais de 1000 estrelas 🙂
– poderão existir muitos outros planetas com vida inteligente (que a cultura popular acha que os vão invadir), mas que cientificamente só conhecem um planeta com vida inteligente: o deles.
– eles chamam os invasores alienígenas de Humaníacos, que eles consideram ser uns monstros que vão ou comer os miolos dos habitantes do Planeta 51 ou torná-los em zombies. Os cientistas bem tentam dizer que isto não vai acontecer, bem tentam dizer que o Universo não é assustador mas sim maravilhoso, mas os filmes populares são os de terror espacial…
– os habitantes mais paranoicos (aqueles que passam horas a pesquisar as conspirações em… histórias de cartoons) dizem que o Governo sabe que existem invasores alienígenas, mas têm-os escondidos na… base 9 (não é “área 51” porque já está no nome do filme). Curiosamente a Base 9 guarda mesmo um rover e sondas enviadas pelos… terrestres 😀

Uma coisa que me fez confusão no filme é que o céu do Planeta 51 tem pelo menos um planeta do género de Saturno e um outro planeta ou lua. Isto faz-me pensar que talvez o planeta 51 seja na verdade uma lua que orbita um planeta parecido com Saturno…

Curiosamente, também se vê que este planeta 51 é rodeado por aneis de gelo, poeiras e material rochoso.

Existem dois problemas no filme:
Um deles é que os habitantes do Planeta 51 falam… inglês.
O outro problema do filme são os extraterrestres demasiado humanóides… mas até perdoo esta falta de imaginação aos produtores porque colocaram um cãozito extraterrestre que é o Alien.

Também gostei bastante do rover, que tem uma personalidade muito parecida à do Wall-E.

Aliás, o filme contém imensas referências a diversos filmes de ficção científica (e não só!). O que é genial.

onesheet

Obviamente que todo o filme é uma crítica à civilização humana, em que a população tem medo daquilo que é estranho, em que os militares querem entrar em guerra com “tudo o que mexa”, e em que os mais fantasistas inventam conspirações sobre seres alienígenas.

Curiosamente, o ser estranho (o astronauta) é ajudado pelas pessoas (crianças) mais ligadas à ciência…

planet-51-desktop-wallpaper

A melhor frase do filme:

“I know what you are afraid of… and it is not Chuck. It’s not monsters or, or aliens. it’s the unknown. I spent my whole life running from it. And I think, maybe, you have, too. But, I’m telling you. The unknown isn’t something to be afraid of. It can be your best friend. And just when you think that it means the end of everything you know, it’s really… just the beginning.”

“Eu sei do que é que tem medo… e não é do Chuck. Não é de monstros nem de seres alienígenas. É do desconhecido. Eu passei toda a vida com medo do desconhecido. E penso que você também tem. Mas deixe-me dizer-lhe: não precisa ter medo do desconhecido. O desconhecido pode ser o seu melhor amigo. E quando pensa que o que está em causa é o fim de tudo o que conhecemos, na verdade pode ser simplesmente o início.”

4 comentários

Passar directamente para o formulário dos comentários,

  1. Bem Eu sou criança……Então e normal eu gostar de desenhos animados esse filme me agradou bastante…..

  2. Carlos, gostaria de lhe fazer uma pergunta, dizem que este ano ira haver uma tempestade solar que poderá acabar o mundo, é verdade?

    1. Não.

      Isso é o que os vigaristas andavam a dizer para Dezembro de 2012. Como nada aconteceu, os vigaristas mudam a data e continuam dizendo o mesmo. É sempre assim.
      A verdade, como pode ler na nossa categoria sobre o Sol, é que o Sol anda muito calmo…

      Mas tempestades solares podem acontecer a qualquer momento… é algo habitual e provocam belíssimas auroras (como pode ler na categoria Auroras)… mas nada mais 🙂

      abraços!

    • lucy von beust on 11/06/2014 at 02:04
    • Responder

    Adoro esse filme e me orgulho em te-lo na minha colecao 🙂

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.