Google+

«

»

Out 23

China lança Chang’e-5-T1, uma missão lunar para testar reentrada na Terra

Z2A6-350x139

A China levou a cabo o lançamento de uma missão de ensaio na Quinta-feira, abrindo a terceira fase do seu programa de exploração lunar. O lançamento da missão Chang’e-5-T1 teve lugar às 1759UTC do dia 23 de Outubro de 2014 utilizando um foguetão CZ-3C Chang Zheng-3C/G2 a partir do Compelxo de Lançamento LC2 do Centro de Lançamento de Satélites Xichang, província de Sichuan.

A missão tem como objectivo testar as tecnologias que são vitais para o sucesso da futura missão Chang’e-5 que irá recolher amostras da superfície lunar e trazê-las para a Terra. A Chang’e-5-T1 foi lançada numa órbita de transferência lunar e irá levar a cabo uma passagem (fly-by) em torno da Lua, reentrando posteriormente na atmosfera terrestre após um voo de 9 dias.

Mais informações aqui.

Acerca do autor(a)

Rui Barbosa

Rui C. Barbosa gosta de se definir como historiador espacial amador e é autor do Boletim Em Órbita.
Licenciado em Física Aplicada (Ramo Óptica) exerce a profissão de Optometrista e Guia de Montanha.
É colaborador no sítio Astronomia no Zénite e NASASpaceflight.com, escrevendo artigos na área da Astronáutica Chinesa.
Divulgador na área da História Espacial Soviética e Russa.

4 comentários

Passar directamente para o formulário dos comentários,

  1. Sergio Luiz Pansonatto

    Ótimo essa nova pesquisa da China. Adorei pois pode confrontar com as pesquisas do Estados Unidos.

  2. Paulo

    Será que o astro.pt poder desenvolver este artigo ?

    Existe um blackout de informação, ou algum interesse em não divulgar o que é feito pela china no seu programa de exploração lunar?

    Ao pesquisar por “Chang’e” no astro.pt só encontrei este artigo.

    Qual a validade deste artigo? note-se que data de 2010: “Finally, some high-quality photos from Chang’e 3!”
    http://www.planetary.org/blogs/emily-lakdawalla/2014/01100912-finally-some-high-quality-change3.html

    Por outro lado a internet está inundada de especulações e mitos sobre a missão lunar chinesa.

    Se este tema, que ridiculamente é descrito em alguns sites como “um projecto de engenharia” não tem interesse científico, então o astro.pt é gerido pela Ravena (lembra-se dela?) lol

    1. Carlos Oliveira

      Não entendo o teor do seu comentário…

      Este blog chama-se astropt e não astro.pt

      Se fizer uma procura neste blog encontra dezenas de artigos sobre a missão chinesa, incluindo do seu rover.
      Aliás, em vários desses artigos tem até tags sobre isso:
      http://www.astropt.org/tag/change-3/
      http://www.astropt.org/tag/yutu/
      Mas há vários outros sem tags.

      As fotos desse artigo de 2014, estão nos nossos artigos.

      Não sei de que especulações e mitos fala. Mas certamente que sabe que não somos psicólogos, por isso não podemos ajudar mentes paranoicas e limitadas. 😉

      abraços

  3. Paulo

    Afinal, e como já é habitual este tema já foi abordado. Talvez fosse um problema de pesquisa

    Obrigado ao astropt.org, ao Carlos e ao Sérgio 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>