Google+

«

»

Dez 19

Reflexos em NGC 1973, 1975 e 1977 – APOD

LRGBv2-X3Walker900

Créditos da imagem e Copyright: Jimmy Walker.

Os anos de 1970 são, por vezes, ignorados pelos astrônomos, assim como este belo agrupamento de nebulosas de reflexão em Orion – NGC 1977, NGC 1975 e NGC 1973 –, geralmente negligenciado por causa do brilho considerável do berçário estelar próximo conhecido como Nebulosa de Orion. Encontradas junto à espada de Orion, logo ao norte do complexo brilhante da Nebulosa de Orion, estas nebulosas de reflexão também estão associadas com a nuvem molecular gigante em Orion a cerca de 1.500 anos-luz de distância, mas são dominadas pela cor azul característica da poeira interestelar que reflete a luz de estrelas jovens e quentes.

Nesta imagem nítida em cores, uma parte da Nebulosa de Orion aparece ao longo da borda inferior, com o grupo de nebulosas de reflexão no centro de imagem. NGC 1977 se estende por todo o campo logo abaixo do centro, separado de NGC 1973 (acima, à direita) e NGC 1975 (acima, à esquerda) por regiões escuras atadas com fraca emissão em vermelho dos átomos de hidrogênio. Tomadas em conjunto, as regiões escuras sugerem a muitos a forma de um homem correndo (ou corredor; em inglês: Runnig Man).

Acerca do autor(a)

Joaquim Farias

Joaquim Farias nasceu e vive em Uruoca, Ceará, Brasil.
É estudante de licenciatura em matemática e professor.
Futuramente será graduado em Astronomia, com especial atenção à Astronomia extragaláctica. Também é divulgador científico em páginas do Facebook (Espaço Astronômico e projeto Ciência e Astronomia) e muito fã da série Cosmos: uma viagem pessoal e, claro, de Carl Sagan.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>