NGC 2419: Andarilho Intergalático – APOD

ngc2419Franke

Créditos da imagem e Copyright: Bob Franke.

Três objetos se destacam nesta imagem telescópica bem planejada, uma visão em sua maior parte na direção da constelação do Lince (em latim: Lynx). Os dois mais brilhantes (os pontiagudos) são estrelas próximas.

O terceiro é o remoto enxame globular de estrelas NGC 2419, a uma distância de quase 300.000 anos-luz. NGC 2419 é às vezes chamado de “Andarilho Intergalático”, um título apropriado, considerando que a distância à mais notável galáxia satélite da Via Láctea, a Grande Nuvem de Magalhães, é apenas cerca de 160.000 anos-luz.

Mais ou menos semelhante a outros grandes enxames globulares como Omega Centauri, NGC 2419 é intrinsecamente brilhante, mas parece fraco porque está tão longe. NGC 2419 pode realmente ter uma origem extragalática como, por exemplo, os restos de uma pequena galáxia capturada e rompida pela Via Láctea. Mas sua extrema distância o torna difícil estudar e comparar suas propriedades com outros enxames globulares que vagueiam pelo halo de nossa Via Láctea.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.