Mancha solar enorme

O Sol apresenta uma enorme mancha solar.
Para a observar, convém ter um telescópio ou binóculos com um filtro solar. Filtrar a luz solar recorrendo a óculos escuros, radiografias ou outro método caseiro pode ser extremamente perigoso. Afinal, um telescópio ou binóculos têm uma ou duas lentes que recolhem muita luz que acaba por se concentrar na retina, causando lesões que podem ser irreversíveis para os olhos.
O Observatório Astronómico de Lisboa indica como observar o Sol em segurança.

Quem estiver interessado em observar e/ou fotografar esta mancha solar, poderá também segui-la ao longo de vários dias, notando que ela se vai deslocando ao longo do disco solar, devido à rotação do Sol. Uma mancha solar dá uma volta ao Sol em 25 dias no equador, aumentando esse período de rotação até cerca de 36 dias nos pólos, o que demonstra que o Sol não tem uma superfície sólida.

mdi_sunspots

Para quem pretender seguir a aparência do Sol, dia a dia, no computador, visite a página da NASA dedicada ao SoHO (Solar and Heliospheric Observatory), aqui.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.