New Horizons estuda outro KBO

2 das 20 observações que a New Horizons fez de 1994 JR1 - o KBO que se move na imagem. Os pontos que não se movem são estrelas de fundo. A característica (que parece um fantasma) em cima à esquerda é o reflexo interno da câmara, provocado pela iluminação de uma estrela muito brilhante para lá do campo de visão do LORRI (o "fantasma" na verdade são os três braços que suportam o espelho secundário do LORRI). Créditos: NASA / JHUAPL / SwRI

2 das 20 observações que a New Horizons fez de 1994 JR1 – o KBO que se move na imagem. Os pontos que não se movem são estrelas de fundo. A característica (que parece um fantasma) em cima à esquerda é o reflexo interno da câmara, provocado pela iluminação de uma estrela muito brilhante para lá do campo de visão do LORRI (o “fantasma” na verdade são os três braços que suportam o espelho secundário do LORRI).
Créditos: NASA / JHUAPL / SwRI

Enquanto viaja para lá de Plutão, a sonda New Horizons começou a recolher dados científicos sobre um outro Objeto da Cintura de Kuiper (KBO): 1994 JR1 tem 145 quilómetros de diâmetro e encontra-se a mais de 5 mil milhões de quilómetros do Sol.

Estas novas observações permitiram determinar onde se localiza este pequeno KBO, pelo menos num intervalo de 1000 quilómetros.

Isto levou a que se percebesse de uma vez por todas que este objeto não é um quási-satélite de Plutão, como se chegou a pensar anteriormente.

Os astrónomos também determinaram o período de rotação do KBO: 5,4 horas (terrestres).

Neste momento, a sonda New Horizons está a dirigir-se para um outro alvo: 2014 MU69. A sonda passará perto deste KBO a 1 de Janeiro de 2019.

Fonte: JHUAPL

where is the new horizons

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.