O gigantesco cânion de Caronte

charon

A maior lua de Plutão, Caronte, é o lar de um cânion/desfiladeiro incomum, que é maior e mais profundo que o Grand Canyon.

Na imagem, o detalhe amplia uma porção do limbo leste da visão global de Caronte, registada pela sonda New Horizons da NASA, horas antes da maior aproximação no dia 14 de Julho de 2015.

Um cânion/desfiladeiro profundo, informalmente chamado de Argo Chasma, é visto no limbo. A secção observada nessa imagem mede cerca de 300 quilômetros de comprimento. Mas os cientistas da New Horizons dizem que o comprimento total da Argo é de aproximadamente 700 quilômetros (em comparação, o Grand Canyon, tem 450 quilômetros de comprimento).

Nesse ângulo de visão, o cânion/desfiladeiro é visto de lado. Na porção final norte do cânion a profundidade pode ser facilmente calculada. Com base nessa e em outras imagens, feitas mais ou menos no mesmo momento, os cientistas da New Horizons, estimaram a profundidade do Argo Chasma em 9 quilômetros, o que é mais de cinco vezes mais do que a profundidade do Grand Canyon. Aparentemente existem locais ao longo do comprimento do cânion onde desfiladeiros atingem alguns quilômetros de altura e poderiam rivalizar tranquilamente com a Verona Rupes na lua Miranda de Urano, que tem no mínimo 5 quilômetros de altura, sendo a mais alta parede de abismo do Sistema Solar.

A imagem foi obtida pelo instrumento LORRI da sonda New Horizons, e tem uma resolução de 2.33 quilômetros por pixel. Essa imagem foi obtida a cerca de 466000 quilômetros de distância de Caronte, 9 horas e 22 minutos antes da maior aproximação da sonda com a lua de Plutão, em 14 de Julho de 2015.

Fonte: NASA

1 comentário

  1. É mais profundo que o Grand Canyon, mas não que as fossas Marianas.
    Afinal se não existisse agua na superfície do nosso planeta as fossas Marianas seriam um Canion também

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.