Dinossauros, mulheres, ursos, ratos e alienígenas convivem em Marte?

Scott C. Waring é um daqueles conspiradores que, por qualquer justificação alheia à racionalidade, faz bastante sucesso com os jornaleiros e acéfalos deste mundo. Daí o sucesso do seu canal de YouTube e daí semanalmente aparecer em vários jornais com “evidências de vida extraterrestre”.

Ele auto-intitula-se de ufólogo. Vê UFOs em todo o lado. Aliás, ele afirma que a Lua é uma enorme nave extraterrestre.

Ele também afirma que descobriu uma mulher, ratos, ursos, e vários outros animais, em Marte.

Segundo ele, a pareidolia não existe: se ele vê parte de uma rocha com uma configuração que lhe lembra um animal terrestre, então só pode ser esse animal.

Agora, ele afirma que descobriu um dinossauro morto em Marte:

dinossauromarte

Mas não só um.
Segundo os jornaleiros, este “pesquisador especializado em vida extraterrestre” (fazem lembrar a RTP com o “comentador de astronomia”) encontrou outros “crânios de dinossauros”:

20160704112910VQhtZ7Rjrz

E o tal “pesquisador” afirma também que descobriu um minúsculo alienígena humanóide em Marte:

Humanoide-em-Marte

Para ajudar as pessoas a acreditarem nas suas fantasias, Waring admite: “Eu colori a imagem e acrescentei olhos na cabeça, assim é mais fácil de ver (…)”

E pronto. É isto.
Acredito que em hospitais psiquiátricos existam pessoas mais sãs que este Waring. No entanto, a este lunático é dada credibilidade pelos jornaleiros e demais idiotas do nosso planeta.

1 comentário

  1. Se ele encontrar lá porcos e vacas, a colonização humana vai ser muito mais fácil 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.