O Renascer de Uma Estrela

Créditos: ESA/Hubble & NASA

Créditos: ESA/Hubble & NASA

Como as estrelas evoluem?
Óbvio que isso é muito difícil de responder, já que durante a nossa vida jamais teremos a oportunidade de acompanhar como as estrelas nascem, evoluem e morrem.

Porém, usando o Telescópio Espacial Hubble, os astrônomos identificaram uma estrela que permite que seja possível estudar o processo de evolução estelar em tempo real.

A estrela se chama SAO 244567, localiza-se a cerca de 2700 anos-luz de distância da Terra, e é a estrela central da chamada Nebulosa da Raia/Arraia.

Os astrônomos têm acompanhado o desenvolvimento dessa estrela por 45 anos, e entre 1971 e 2002, a temperatura na sua superfície subiu quase 40.000 graus Celsius (e diminuiu de tamanho).

E agora, com as novas observações do Hubble, os astrônomos mostraram que a estrela começou novamente a esfriar (e a aumentar de tamanho).

Tudo seria facilmente explicado se a estrela tivesse entre 3 e 4 vezes a massa do Sol, porém, essa estrela tem uma massa similar à da nossa estrela e nesse caso o seu aquecimento e resfriamento deveria ser muito mais lento.

Mas para tudo existe uma explicação, ou pelo menos tenta-se explicar.

No caso dessa estrela o que está acontecendo é um fenômeno conhecido como flash da concha de hélio, uma breve ignição do hélio existente fora do núcleo estelar. Isso foi proposto em 2014, e as observações do Hubble confirmaram esse evento.

Esse não é o único exemplo desse tipo de fenômeno numa estrela, mas é a primeira vez que esse fenômeno pode ser observado durante as fases de aquecimento e resfriamento.

Nenhum modelo atual que explica a evolução das estrelas consegue explicar o comportamento dessa estrela.
Assim, enquanto os astrônomos não desenvolverem modelos mais refinados para o ciclo de vida das estrelas, muitos aspectos da evolução da SAO 244567 permanecerão um mistério.

Fonte: Space Telescope

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.