Nova Carinae 2018

Crédito: A. Maury & J. Fabrega

Na semana passada, foi descoberta uma nova na constelação da Carina.
Foi denominada ASASSN-18fv.

A nova foi causada por uma explosão termonuclear na superfície de uma anã branca, enquanto esta agregava matéria de outra estrela sua companheira no sistema binário.

Ela é tão brilhante que se pode observar com binóculos nos céus do hemisfério sul.
Nas próximas semanas, astrónomos amadores e profissionais vão vigiar essa nova, de modo a saber se se tornará mais brilhante, ao ponto de ser observada a olho nu.

Na imagem, a nova aparece assinalada com uma seta, próxima da Nebulosa Carina.

Fonte: APOD

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.