NGC 2108

Créditos: ESA/Hubble & NASA

Nesta imagem feita pelo Telescópio Espacial Hubble vemos o colorido aglomerado globular NGC 2108, que se encontra na Grande Nuvem de Magalhães.

A característica mais proeminente deste aglomerado de estrelas é o ponto vermelho à esquerda do centro do aglomerado.
É uma estrela de carbono: uma estrela gigante vermelha, com uma atmosfera com mais carbono do que oxigénio. O carbono e o oxigénio juntam-se na camada superior da estrela, formando monóxido de carbono… até não existir mais oxigénio disponível. O resto dos átomos de carbono ficam livres para formar outros compostos de carbono: C2, CH, CN, C3 e SiC2, que dispersam a luz azul, permitindo que a luz vermelha passe facilmente. Daí vermos a estrela com cor avermelhada.

Fonte: Space Telescope

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.