Galáxias distantes

Créditos: ESA/Hubble & NASA; Judy Schmidt (geckzilla.com)

Nesta imagem feita pelo Telescópio Espacial Hubble vemos o fenómeno cósmico conhecido como lente gravitacional.

No centro da imagem vemos o maciço aglomerado de galáxias SDSS J0915+3826.
Este aglomerado curva, distorce e amplifica a luz vinda de galáxias que se encontram mais longe, “por trás dele” (a partir da nossa linha de visão).

Os astrónomos conseguem estudar galáxias longínquas, a cerca de 11,5 mil milhões de anos-luz de distância. Através desta lente gravitacional, é possível determinar o tamanho, luminosidade, taxa de formação estelar e tipos de populações estelares dessas galáxias distantes.

Fonte: Space Telescope

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.