Jorge Almeida

Jorge Mota Almeida é astrónomo amador desde 2000. Possui um dobson de 8” e um PST (telescópio solar). Mestrado em Engenharia Electrotécnica e de Computadores – Telecomunicações pela Universidade de Coimbra. https://coimbra.academia.edu/JorgeAlmeida. Licenciatura em Biologia/Geologia. Leccionou em várias escolas secundárias. Formação em Entomologia Forense e Aracnologia. Foi colaborador de gabinete médico-legal. Fascinado por eclipses, dípteros e com vista ao Mirovedenie – estudo do Universo. Fanático de macrofotografia que pode ser apreciada em Superegnum.

Artigos mais comentados

  1. O fim de Marte confirma-se! — 81 comentários
  2. Grande sismo em Júpiter com graves repercussões nas luas aconteceu há minutos — 81 comentários
  3. Aurora boreal em Portugal no dia 2 de Abril 2019 — 45 comentários
  4. Astrol – novo portal que irá substituir o astroPT — 30 comentários
  5. Eclipse solar híbrido de Novembro de 2013 — 24 comentários

Author's posts

O céu e a terra em fúria

Fantásticas imagens da coluna de fumo e cinzas a sair do vulcão Eyjafjallajökull. plenamente descritas nesta imagem de Skarpi, um islandês… O vulcão é o já famoso Eyjafjallajökulll, da Islândia… Aqui poderão ver uma pequena aldeia próxima do vulcão no momento da erupção… E uma imagem curiosa do vulcão vista a 1666 metros de altitude.. …

Continue a ler

A última ceia científica

Chegar a um final de dia completamente exausto e mirar um quadro destes é revigorante. LEGENDA (esquerda para a direita) Galileu Galilei; Marie Curie; Robert Oppenheimer; Isaac Newton; Louis Pasteur; Stephen Hawking; Albert Einstein; Carl Sagan; Thomas Edison; Aristóteles; Neil deGrasse Tyson; Richard Dawkins; Charles Darwin

“Vestir” o Firefox

Uma nova funcionalidade do Firefox permite implementar fundos e fugir um pouco à monotonia monocromática anterior para dar lugar a uma imensa gama de fundos mais aliciantes. Poderão agora usar uma que tem como pano de fundo… planetas. Consulte aqui: http://www.getpersonas.com/en-US/persona/102875

Páscoa eclipsada

Como um título pode ser enganador… o título refere-se não ao evento que se avizinha, mas sim a um dos locais que em breve será motivo de uma visita por causa de uma ocorrência não muito frequente: um eclipse solar total. A ilha da Páscoa é, este ano, uma das “eleitas” por ir ser percorrida …

Continue a ler

A pequenez Humana

Georg C. Lichtenberg: “Astronomy is perhaps the science whose discoveries owe least to chance, in which human understanding appears in its whole magnitude, and through which man can best learn how small he is.”

Astronomia e Música

“Assim como em música não é necessário saber ler uma partitura para poder apreciar a beleza de uma sinfonia, em física tampouco se precisa saber resolver uma equação para apreciar a beleza de uma teoria.” Marcelo Gleiser, no prefácio de seu livro A Dança do Universo: Dos Mitos da Criação ao Big-Bang.

Andrómeda

A galáxia Andrómeda é a maior galáxia mais próxima da Via Láctea. Há outras mais próximas da Via Láctea mas são bastante difusas. A Via Láctea e a galáxia de Andrómeda fazem parte do Grupo Local. A luz difusa que parte da galáxia de Andrómeda provém dos milhares de milhões de estrelas que se encontram …

Continue a ler

Rho Ophiuchi

Uma imagem fenomenal da região chamada de nuvem de Rho Ophiuchi, que se encontra a 400 anos-luz de distância de nós, na direcção da constelação do Zodíaco, Ofíuco. A imagem mostra um diâmetro de 5 anos-luz, e foi tirada em infravermelho pelo telescópio espacial Spitzer. É uma região com uma forte formação de estrelas. De …

Continue a ler

Google Labs

Uma nova funcionalidade do Google permite tabelar muitos objectos, dos mais diversos tipos, e, como não podia deixar de ser, os planetas e as luas não foram esquecidos. Mas é preciso uma melhoria muito substancial com imagens mais recentes e com mais alguns dados do que os que permite actualmente nessas tabelas. Contudo pode ser …

Continue a ler

Máximo Solar

A maior mancha que aí vê na imagem tem 125 000 km de uma extremidade à outra! Quase do tamanho do disco de Júpiter. Em 2009, o Sol já começou o inverter do ciclo das manchas solares. Já começam a aparecer depois de um interregno. Lembre-se que o máximo previsto ocorrerá por volta de 2013.

Load more