Google+

Arquivo por Categoria: Nascimento

Nascimento de estrelas.

Mar 23

Protoestrela brilha intensamente alterando a forma da sua maternidade estelar

Esta imagem, obtida pelo Atacama Large Millimeter/submillimeter Array (ALMA), instalado no Chile, mostra poeira resplandescente no interior do proto enxame NGC 6334l. Com o auxílio do ALMA e do Submillimeter Array (SMA) instalado no Hawai, os astrónomos estudaram esta nuvem de formação estelar situada na Nebulosa da Pata do Gato (NGC 6334) e aperceberam-se de …

Continue a ler »

Mar 17

Nebulosa do Cone

O Telescópio Espacial Hubble fez esta imagem da Nebulosa do Cone, que se encontra a cerca de 2.500 anos-luz de distância. O cone tem um comprimento de 7 anos-luz. O topo do cone tem um diâmetro de 2,5 anos-luz: um pouco mais de metade da distância entre o Sol e Proxima Centauri. Estrelas estão-se a …

Continue a ler »

Mar 15

O ALMA perscruta o coração de maternidades estelares

Com belos braços em espiral resplandescentes, as enormes galáxias em espiral parecem chamar toda a atenção — no entanto a NGC 6822, uma galáxia irregular barrada anã, demonstra que as espirais normais não detêm o monopólio da beleza galáctica. Também chamada galáxia de Barnard, a NGC 6822 situa-se na constelação do Sagitário a apenas 1,6 …

Continue a ler »

Fev 28

ESO: ALMA revela a estrutura do Sistema Protoestelar de baixa massa L1527

Uma equipa de astrônomos usou a rede de radiotelescópios ALMA (Atacama Large Millimeter/submillimeter Array) do ESO para observar o sistema perfilado da protoestrela de baixa massa L1527 (IRAS 04368+2557). Esta protoestrela encontra-se em uma região de formação estelar na nuvem molecular de Touro, a cerca de 450 anos-luz de distância. L1527 tem um disco protoplanetário …

Continue a ler »

Fev 24

Jatos de buraco negro estimulam a formação estelar

Astrônomos utilizaram o ALMA (Atacama Large Millimeter/submillimeter Array) e descobriram uma ligação surpreendente entre um buraco negro supermassivo e a galáxia onde reside. © NRAO/ESO/NASA (jatos de rádio do buraco negro no centro de uma galáxia) Poderosos jatos de rádio do buraco negro, que normalmente suprimem a formação de estrelas, estão estimulando a produção de …

Continue a ler »

Fev 22

Estrelas e planetas podem se formar perto do buraco negro supermassivo no centro da Via Láctea

Uma equipa de astrónomos observou quatro bolhas de gás perto do centro da Via Láctea que têm a massa suficiente para criar estrelas e planetas. Note-se que não se conseguiu observar qualquer estrela com planetas a orbitar nestas bolhas. No entanto, este estudo mostrou que é possível eles existirem. É possível que essas bolhas de …

Continue a ler »

Fev 21

Formação Estelar nos filamentos de RCW106

Nesta imagem feita pelo observatório espacial Herschel, vê-se a gigantesca nuvem molecular RCW106, que se encontra a quase 12 mil anos-luz de distância da Terra. Esta nebulosa de gás e poeira é um berçário estelar, com inúmeras estrelas a nascer (regiões a azul). As formas vistas na imagem são fruto da radiação e fortes ventos …

Continue a ler »

Fev 16

IC 410 – A Nebulosa dos Girinos

Ao contemplarmos a beleza desta imagem, no seu centro podemos observar duas intrigantes mas bem definidas estruturas de gás e poeira, fazendo-nos lembrar dois girinos a atravessar uma lagoa azul. Por este motivo, a IC 410 é conhecida pela Nebulosa dos Girinos. A IC 410 localiza-se na constelação de Auriga, a cerca de 12.000 anos-luz …

Continue a ler »

Fev 14

M20: a nebulosa Trífida em infravermelho examinada pelo SPITZER

https://apod.nasa.gov/apod/image/1612/trifid_spitzerR.jpg

A Nebulosa Trífida (NGC 6514), catalogada como Messier 20, é relativamente fácil de ser encontrada com telescópios de menor porte. Trífida é uma nebulosa rica que reside na direção da constelação de Sagittarius. As imagens no espectro visível mostram a nebulosa dividida em três partes por trilhas de poeira escuras. Na verdade, o nome Trífida significa “dividida em três lóbulos”. Esta …

Continue a ler »

Fev 10

Melotte 15 no Coração

Nas regiões centrais da nebulosa de emissão IC 1805 existem nuvens cósmicas com formas fantásticas. Essas nuvens são esculpidas por ventos estelares e radiação de estrelas quentes e maciças recentemente nascidas no jovem aglomerado estelar Melotte 15. Melotte 15 tem somente 1,5 milhões de anos de idade. IC 1805 é conhecida popularmente como Nebulosa do …

Continue a ler »

Artigos mais antigos «

Ir buscar mais items