Google+

Arquivo por Categoria: Pulsares

Posts relativos a pulsares.

Mai 11

Caranguejo em vários comprimentos de onda

Esta é a M1, também conhecida como Nebulosa do Caranguejo, que se encontra a cerca de 6.500 anos-luz de distância da Terra, na direção da constelação do Touro. É um remanescente de supernova. A luz de supernova foi observada da Terra no ano 1054. Após a morte explosiva da estrela maciça, a nuvem de detritos …

Continue a ler »

Mai 03

Matéria Negra ilude cientistas outra vez

Na década de 30 do século XX, o astrónomo americano de origem suíça Fritz Zwicky descobriu que os movimentos das galáxias no interior de enxames só poderiam ser explicados se existisse uma enorme quantidade de matéria negra (o nome mais apropriado seria “invisível”) envolvendo-as. Quatro décadas mais tarde, a astrónoma americana Vera Rubin descobriu que …

Continue a ler »

Mai 02

Estrela de Neutrões a esfriar

O remanescente de supernova Cassiopeia A encontra-se a 11 mil anos-luz de distância da Terra. A luz da supernova que lhe deu origem, chegou à Terra há 350 anos atrás. Perto do centro desta nuvem de detritos em expansão, encontra-se uma estrela de neutrões – o bastante denso remanescente colapsado de um núcleo estelar maciço. …

Continue a ler »

Abr 09

3 novas FRBs descobertas por interferometria

Um grande rádio-observatório na Austrália foi responsável por descobrir 3 novas FRBs (Fast Radio Bursts), usando a técnica da interferometria. Essas descobertas foram usadas para confirmar que as FRBs são fenômenos extraterrestres, ou seja, acontecem fora do nosso planeta. A sua origem e natureza ainda são mistérios, mas com o software desenvolvido será possível analisar …

Continue a ler »

Abr 08

Solucionado mistério da Galáxia de Andrômeda

A galáxia de Andrômeda é a galáxia enorme mais próxima da Via Láctea, nossa vizinha cósmica, um objeto a que estamos ligados, já que daqui a alguns bilhões de anos nos tornaremos um só objeto. Além disso, é uma galáxia que parece com a Via Láctea, e é um excelente laboratório para estudar os fenômenos …

Continue a ler »

Mar 09

A Nebulosa do Caranguejo

A Nebulosa do Caranguejo (também catalogada como M1 ou Taurus A) é um remanescente de supernova que no seu interior alberga um pulsar. O objeto localiza-se na constelação de Touro, dista cerca de 6.500 anos-luz da Terra e tem um diâmetro de 11 anos-luz que se expande a uma taxa aproximada de 1.500 km/s. A …

Continue a ler »

Mar 01

NGC 5907 X-1: XMM-Newton da ESA estuda o pulsar mais luminoso e distante conhecido

O XMM-Newton da ESA revelou dados de um pulsar mil vezes mais luminoso do que se pensava ser possível. O pulsar NGC 5907 X-1 é também o mais distante do seu tipo já detectado, pois sua radiação viajou 50 milhões de anos-luz até ser detectada pelo XMM-Newton. Os pulsares são estrelas de nêutrons magnetizadas que giram …

Continue a ler »

Fev 19

Geminga e B0355+54: Dois pulsares dão aulas de geometria aos astrônomos!

Similarmente a faróis cósmicos que varrem o Universo com feixes de energia, os pulsares têm fascinado e ao mesmo tempo confundido os cientistas desde que foram descobertos há 50 anos. Em dois estudos, equipas internacionais de astrônomos sugerem que imagens recentes de dois pulsares (Geminga e B0355+54), obtidas pelo Observatório de raios-X Chandra da NASA, …

Continue a ler »

Fev 01

LIGO Impõe Limites ao Tamanho de Montanhas nos Pulsares do Caranguejo e da Vela

A equipa da experiência LIGO (Laser Interferometer Gravitational Observatory) analisou os dados recolhidos durante as temporadas de observação realizadas até à data com o intuito de identificar a emissão de ondas gravitacionais provenientes de pulsares. Embora não tenham sido detectadas ondas gravitacionais para nenhum dos 200 pulsares estudados, os resultados indicam que o LIGO poderá …

Continue a ler »

Jan 16

13 novos Pulsares descobertos por projeto Voluntário

O final da vida das estrelas é interessante. Dependendo da sua massa, a estrela já tem um destino previamente traçado. As estrelas de nêutrons/neutrões, por exemplo, representam as remanescentes compactas de explosões de supernovas e são constituídas de matéria extremamente densa. Elas medem cerca de 20 km de diâmetro mas têm uma massa equivalente a …

Continue a ler »

Artigos mais antigos «

Ir buscar mais items