Google+

Arquivo por Categoria: Supernovas

Posts sobre Supernovas.

Mar 20

Messier 83 e NGC 5128: duas vizinhas extraordinárias

Uns graus para sul de Spica, a estrela mais luminosa da constelação da Virgem, podemos encontrar duas das galáxias mais brilhantes do céu nocturno: Messier 83, na constelação da Hidra, e NGC 5128, também conhecida por Centaurus A, na constelação do Centauro. Visíveis com uns simples binóculos num local sem poluição luminosa, estas galáxias são …

Continue a ler »

Mar 09

A Nebulosa do Caranguejo

A Nebulosa do Caranguejo (também catalogada como M1 ou Taurus A) é um remanescente de supernova que no seu interior alberga um pulsar. O objeto localiza-se na constelação de Touro, dista cerca de 6.500 anos-luz da Terra e tem um diâmetro de 11 anos-luz que se expande a uma taxa aproximada de 1.500 km/s. A …

Continue a ler »

Mar 08

O despertar de uma nova era para a Supernova 1987A

Passaram três décadas desde que os astrónomos encontraram a supernova mais brilhante observada desde há mais de 400 anos. A explosão estelar, SN 1987A, resplandeceu com o brilho de 100 milhões de sóis durante vários meses após a sua descoberta a 23 de fevereiro de 1987. Situada na Grande Nuvem de Magalhães, uma das galáxias …

Continue a ler »

Fev 21

Supernova é estudada 3 horas depois de ser detectada

Quando uma estrela tem no mínimo 8 vezes a massa do Sol, o final da sua vida se dá numa explosão cataclísmica chamada de supernova. Os astrônomos conhecem bem o mecanismo de geração de uma supernova; conseguem estudar e detectar essas explosões. Porém, pelo facto de serem eventos imprevisíveis, os astrônomos só conseguem observar a …

Continue a ler »

Fev 17

Sharpless 308: bolha estelar

Sharpless 2-308 encontra-se a cerca de 5.200 anos-luz de distância na direção da constelação Canis Major. Esta enorme bolha cósmica, com cerca de 70 mil anos de idade, foi criada por velozes ventos de uma estrela quente e maciça, que se encontra no centro da nebulosa. A estrela é de Wolf-Rayet, tem 20 vezes mais …

Continue a ler »

Fev 06

Cassiopeia

O Céu da Semana traz dicas de observação astronómica para esta semana, e o professor Gustavo Rojas conta as lendas da constelação de Cassiopeia.

Jan 21

Explosão Rara na Galáxia NGC 2442

No dia 1 de Dezembro de 2016, o observatório GAIA detectou o aparecimento de uma estrela de magnitude 19.6 nos braços espirais da galáxia NGC 2442, situada a 50 milhões de anos-luz na direcção da constelação do Peixe Voador. Parecia tratar-se de mais uma supernova. A AT2016jbu, como foi designada, continuou a aumentar de brilho …

Continue a ler »

Jan 19

Prevista explosão que trará mais uma estrela ao céu

Uma equipa de astrónomos liderada pelo professor Larry Molnar, do Calvin College, preveem a chegada de mais uma estrela ao céu noturno. O estudo incidiu sobre a estrela KIC 9832227, que na verdade é uma estrela binária de contacto: duas estrelas orbitam-se tão proximamente que partilham uma atmosfera comum. Em 2015, Molnar previu que as …

Continue a ler »

Jan 13

Recordando a Grande Supernova de 1987

Foi há 30 anos. No dia 23 de Fevereiro de 1987, às 7 horas e 35 minutos, tempo universal, três detectores de neutrinos — o Kamiokande II no Japão, o IMB nos Estados Unidos e o Baksan na ex-União Soviética — detectaram no total 24 neutrinos durante um intervalo ligeiramente inferior a 13 segundos. Tratava-se de um fluxo anormal …

Continue a ler »

Jan 11

Sharpless 249 e a Nebulosa da Medusa

Na imagem vê-se a Nebulosa da Medusa/Alforreca/Água-viva. Esta medusa cósmica faz parte do remanescente de supernova em forma de bolha conhecido como IC 443 – uma nuvem de detritos em expansão. A luz da explosão da estrela maciça chegou à Terra há 30 mil anos. No centro da nebulosa está uma estrela de neutrões. A …

Continue a ler »

Artigos mais antigos «

Ir buscar mais items