Google+

Arquivo de Tags: ESO

Mar 27

Lá em cima

Nesta imagem, o Very Large Telescope do ESO (VLT) parece um telescópio muito pequeno! Visto desta perspectiva, torna-se difícil distinguir as silhuetas dos quatro Telescópios Principais de 8,2 metros do VLT, que estão colocados no cimo do Cerro Paranal, no deserto chileno do Atacama. A localização do VLT foi escolhida de modo extremamente cuidado. É …

Continue a ler »

Mar 23

Protoestrela brilha intensamente alterando a forma da sua maternidade estelar

Esta imagem, obtida pelo Atacama Large Millimeter/submillimeter Array (ALMA), instalado no Chile, mostra poeira resplandescente no interior do proto enxame NGC 6334l. Com o auxílio do ALMA e do Submillimeter Array (SMA) instalado no Hawai, os astrónomos estudaram esta nuvem de formação estelar situada na Nebulosa da Pata do Gato (NGC 6334) e aperceberam-se de …

Continue a ler »

Mar 16

A matéria escura era menos influente no Universo primordial

Observações VLT de galáxias distantes sugerem que estes objetos eram dominados por matéria normal. Novas observações indicam que galáxias massivas a formar estrelas durante o pico da formação galáctica, há 10 mil milhões de anos atrás, eram dominadas por matéria “bariónica”, ou seja normal. Este facto está em perfeito contraste com as galáxias atuais, onde …

Continue a ler »

Mar 15

O ALMA perscruta o coração de maternidades estelares

Com belos braços em espiral resplandescentes, as enormes galáxias em espiral parecem chamar toda a atenção — no entanto a NGC 6822, uma galáxia irregular barrada anã, demonstra que as espirais normais não detêm o monopólio da beleza galáctica. Também chamada galáxia de Barnard, a NGC 6822 situa-se na constelação do Sagitário a apenas 1,6 …

Continue a ler »

Mar 14

Poeira estelar antiga lança luz sobre as primeiras estrelas

O objeto mais distante observado até à data pelo ALMA. Os astrónomos usaram o ALMA para detectar uma enorme quantidade de poeira estelar resplandescente numa galáxia observada quando o Universo tinha apenas 4% da sua idade atual. Esta galáxia foi observada pouco depois da sua formação e trata-se da galáxia mais distante onde se detectou …

Continue a ler »

Mar 14

Uma galáxia vista de perfil

A tira colorida de estrelas, gás e poeira que vemos nesta imagem é a galáxia em espiral NGC 1055. Aqui capturada pelo Very Large Telescope do ESO (VLT), pensa-se que esta enorme galáxia é 15% maior em diâmetro que a Via Láctea. A NGC 1055 parece não ter os braços rodopiantes característicos duma galáxia em …

Continue a ler »

Mar 08

Espiral celeste com volta

Embora esta imagem pareça ser o padrão de uma concha na praia, a espiral intrigante que aqui vemos é na realidade um fenómeno astronómico da natureza. O Atacama Large Millimeter/submillimeter Array (ALMA) obteve esta imagem de um sistema estelar binário, onde duas estrelas — a LL Pegasi e a sua companheira — estão presas numa …

Continue a ler »

Mar 08

O despertar de uma nova era para a Supernova 1987A

Passaram três décadas desde que os astrónomos encontraram a supernova mais brilhante observada desde há mais de 400 anos. A explosão estelar, SN 1987A, resplandeceu com o brilho de 100 milhões de sóis durante vários meses após a sua descoberta a 23 de fevereiro de 1987. Situada na Grande Nuvem de Magalhães, uma das galáxias …

Continue a ler »

Fev 28

ESO: ALMA revela a estrutura do Sistema Protoestelar de baixa massa L1527

Uma equipa de astrônomos usou a rede de radiotelescópios ALMA (Atacama Large Millimeter/submillimeter Array) do ESO para observar o sistema perfilado da protoestrela de baixa massa L1527 (IRAS 04368+2557). Esta protoestrela encontra-se em uma região de formação estelar na nuvem molecular de Touro, a cerca de 450 anos-luz de distância. L1527 tem um disco protoplanetário …

Continue a ler »

Fev 23

A Anã Superfria e os Sete Planetas

Mundos temperados do tamanho da Terra descobertos em sistema planetário extraordinariamente rico. Os astrónomos descobriram um sistema com sete planetas do tamanho da Terra a cerca de apenas 40 anos-luz de distância. Com o auxílio de telescópios no espaço e também no solo, incluindo o Very Large Telescope do ESO, os planetas foram todos detectados …

Continue a ler »

Artigos mais antigos «

Ir buscar mais items