Tag: Nebulosa Carina

O buraco de fechadura na Nebulosa Carina pelo Hubble

http://apod.nasa.gov/apod/image/1608/CarinaClouds_Hubble_2292.jpg

A escura e poeirenta Nebulosa do Buraco de Fechadura (Keyhole Nebula) ganhou esse nome popular devido ao seu formato incomum. Nessa imagem capturada pelo Hubble Space Telescope vemos essa pequena e interessante região dentro da grande Nebulosa Carina. Intrincados nós de poeira escura e estruturas complexas foram esculpidas pelos ventos estelares e pela forte radiação das massivas e …

Continue a ler

NGC 3372: a Grande Nebulosa Carina por Peter Ward

http://apod.nasa.gov/apod/image/1605/Trumpler14c_ward.jpg

A Grande Nebulosa Carina é uma joia dos céus do hemisfério sul. Catalogada como NGC 3372, ela se espalha por 300 anos-luz, consistindo em uma das mais relevantes regiões de formação estelar em nossa galáxia. Assim como a menor e mais ao norte Grande Nebulosa de Orion, a Nebulosa Carina é discernível sem auxílio de …

Continue a ler

As nuvens cósmicas da Nebulosa Carina por John Ebersole

http://apod.nasa.gov/apod/image/1605/EtaCore_Ebersole_932.jpg

O que são essas formas que se escondem nas brumas da nebulosa de Carina? As figuras sinistras escuras são nuvens moleculares, nódulos de gás molecular e poeira tão espessa que se tornam opacos. Em comparação, no entanto, estas nuvens são tipicamente muito menos densas que a atmosfera da Terra. A imagem em destaque detalha o …

Continue a ler

NGC 3372: a Grande Nebulosa em Carina por Damian Peach

http://apod.nasa.gov/apod/image/1603/Carina_Peach_4553.jpg

Dentro de uma das mais brilhantes partes da Via Láctea reside uma nebulosa onde eventos notáveis ocorrem. A NGC 3372, conhecida como a Grande Nebulosa em Carina, é o lar de massivas estrelas e nebulosas em mutação. A Nebulosa do Buraco da Fechadura (NGC 3324 – Keyhole Nebula), a estrutura logo acima do centro da imagem hospeda várias …

Continue a ler

O Cruzeiro do Sul, a Via Láctea e a Nebulosa Carina em uma noite estrelada em Itatiaia pelo astrofotógrafo brasileiro Carlos Fairbairn

https://en.wikipedia.org/wiki/Flags_depicting_the_Southern_Cross

Carlos Fairbairn capturou nos céus de Itatiaia, no Rio de Janeiro, Brasil, em novembro de 2014, as quatro estrelas brilhantes que marcam o Cruzeiro do Sul. As componentes da famosa cruz celeste estão visíveis logo acima no horizonte, na imagem em destaque. À esquerda deste notável asterismo, também conhecido apenas por Crux, está a estrela alaranjada Gamma Crucis. A larga faixa de …

Continue a ler

Pilares de poeira da Montanha Mística – APOD

Na batalha entre estrelas contra poeira, na Nebulosa Carina, as estrelas estão a ganhar. Mais precisamente, a luz energética e ventos de estrelas massivas recém-nascidas estão evaporando e dispersando os berçários estelares empoeirados em que nasceram. Localizadas na Nebulosa Carina e conhecidas informalmente como Montanha Mística, estas aparências de pilares são dominadas pela poeira escura, …

Continue a ler

Pilar de poeira na Nebulosa Carina – APOD

Este pilar cósmico de gás e poeira tem quase dois anos-luz de largura. A estrutura encontra-se dentro de uma das maiores regiões de nascimento de estrelas da nossa Galáxia, a Nebulosa Carina, que brilha no céu austral a uma distância de cerca de 7.500 anos-luz. Os contornos complexos do pilar são moldados pelos ventos e …

Continue a ler

Nebulosa em 3D

Esta nuvem cósmica bipolar e empoeirada tem cerca de 1 ano-luz de diâmetro e envolve a estrela binária Eta Carinae. Chama-se Nebulosa do Homúnculo e pertence à Nebulosa Eta Carinae (Nebulosa da Carina), que se encontra a cerca de 7.500 anos-luz de distância da Terra. 7.500 anos antes de 1841, Eta Carinae sofreu a Grande …

Continue a ler

A Grande Nebulosa da Carina

A Grande Nebulosa da Carina, também chamada de NGC 3372, é uma fábrica de estrelas que se encontra a 7.500 anos-luz de distância da Terra. A Nebulosa da Carina é o lar de jovens estrelas bastante massivas, incluindo Eta Carinae que é uma estrela com mais de 100 vezes a massa do Sol (encontra-se perto …

Continue a ler

Coluna de Poeira na Nebulosa Carina

Esta coluna é enorme, com 1 ano-luz de comprimento. Dentro dela, escondida pela poeira, está uma estrela que eventualmente irá destruir a coluna com os ventos estelares. A Nebulosa Carina é uma fábrica de estrelas que irá destruir os seus “pilares da criação” nos próximos 100.000 anos. Daqui a centenas de milhares de anos será …

Continue a ler

Load more