Gigantesco Evento Luminoso Transiente capturado na China por Phebe Pan durante a chuva de meteoros das Perseidas

http://apod.nasa.gov/apod/image/1608/GiantJet_Pan_2000.jpg

Jato Gigante na China por Phebe Pan

Não, não se vêem meteoros aqui…

Enquanto observavam e fotografavam a anual Chuva de Meteoros Perseidas de 2016, algo inesperado ocorreu: um gigantesco jato irrompeu de uma nuvem próxima.

O evento de flash luminoso durou menos de um segundo, mas foi afortunadamente capturado por uma câmera que já estava em funcionamento.

Jatos gigantes são uma rara forma de raios reconhecidos formalmente apenas há alguns anos. A imagem colorida de alta resolução em destaque, capturada perto do pico da Montanha Shikengkong na China, pode ser eventualmente  a melhor foto desse fenômeno incomum até a data.

O mesmo evento parece ter sido capturado simultaneamente por outro astrofotógrafo, a 100 quilômetros longe dali, na imagem abaixo:

http://spaceweathergallery.com/indiv_upload.php?upload_id=128464

O mesmo evento capturado a 100 quilômetros de distância por Li Hualong

O gigantesco jato parece irromper a partir de uma nuvem de tempestade próxima e se estende para cima na direção da ionosfera terrestre.

A natureza dos jatos gigantes e sua possível associação com outros tipos de Eventos Luminosos Transientes (TLEs – Transient Luminous Events) tais como os jatos azuis e os sprites vermelhos permanecem como um tema ativo de pesquisa.

Fontes

APOD: Gigantic Jet Lightning over China – crédito da imagem©: Phebe Pan

SpaceWeather.com: Sprites Lightning

._._.

1 comentário

  1. São emissões de Pósitrons, que podemos dizer que seria um elétron num átomo de antimatéria.

    Antimatéria é a coisa mais cara que existe na atualidade.
    Uma grama poderia valer trilhões de dólares.

    Um dia talvez tenhamos tecnologia para capturar estas emissões de pósitrons.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.