Furacões

Em Setembro de 2008, tivemos o Furacão Ike.
Vejam estas imagens impressionantes.
Esta a partir de satélite:
Ike satélite
E esta a partir da Estação Espacial Internacional:
Ike ISS
1 milhão de pessoas foi evacuada. Ainda não se sabe se mais 3 milhões serão evacuadas da cidade de Houston. E se mais alguns milhões serão evacuados das redondezas de Houston.
As auto-estradas fecharam e estão inundadas, apesar do Furacão ainda não ter chegado. Os aeroportos estão fechados.
Os prognósticos são que possíveis 5 milhões de pessoas (o equivalente a metade de Portugal!) possam ficar sem electricidade na zona de Houston durante 2 semanas!

O Johnson Space Center (JSC) da NASA, em Houston, foi evacuado.
Assim, o Centro de Controlo passou para aqui, Austin.
Cerca de 30 cientistas assumiram o Centro de Controlo aqui num hotel, de modo a poderem continuar a ver as actividades na Estação Espacial Internacional e a comunicar com os 3 astronautas que estão lá.
Uma outra equipa do JSC foi para o Marshall Space Flight Center (MSFC), no Alabama. Se o JSC ficar demasiado danificado com o Furacão Ike, então o MSFC assumirá o controlo e passará a ser o centro de comunicação com a Estação Espacial Internacional.

Cerca de 2 dezenas de aviões da NASA, assim como alguns vaivéns de treino e simulação que estavam no centro de Houston, foram mudados para El Paso, Texas.
O Saturn V que eles têm no “jardim” do JSC safou-se.
Esta é uma foto que tirei ao Saturn V no JSC:

(cliquem sobre a imagem para a ampliarem)

O Johnson Space Center da NASA sofreu alguns danos em vários dos seus edifícios. Vejam este vídeo com imagens disso.
Devido a isso, o centro terá que permanecer fechado 2 semanas.
Uma má notícia: o sistema de internet da NASA tem uma mentalidade atrasada. Devido ao Ike, os e-mails deixaram de funcionar… mesmo em centros a milhares de quilómetros de distância, como podem ler aqui.

Austin é longe da costa, mas ainda vamos apanhar com chuva, muito vento, e parte do Ike.
Com sorte, apanho boleia de graça para Portugal numa rajada mais forte… 😀

Em Agosto de 2009, tivemos o Furacão Bill.
bill
(cliquem sobre a imagem para a aumentarem)
O furacão Bill esteve nas notícias. De categoria 4 deixou a Flórida em alerta. Felizmente passou ao largo.
A NASA/NOAA divulgou um vídeo do furacão a partir do seu satélite GOES-14.
Com ventos superiores a 200 kms por hora e com um tamanho medonho (vejam a escala dos 100 kms na foto acima – ao todo o furacão tem 1200 kms), este vídeo é impressionante:

2 comentários

  1. “Com sorte, apanho boleia de graça para Portugal numa rajada mais forte… :-D”
    LOLL essa foi boa.

  2. Pelo menos por cá não chegam muitos desses…apesar da crise 😉

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.