OVNI de Alfena faz 20 anos

alfena4

Comemora-se hoje os 20 anos desde o OVNI de Alfena.
A 10 de Setembro de 1990, dezenas de pessoas viram um objecto estranho nos céus, perto do Porto.

Já falamos desse OVNI, neste post.
O Mário Neves, o Joaquim Fernandes, ambos pertencentes à antiga associação CNIFO que estudou imediatamente este caso, e uma das testemunhas da altura, foram entrevistados para o Jornal de Notícias. Leiam a reportagem e vejam o vídeo, clicando aqui.

É o único objecto, de todos os casos que fui lendo, que admito verdadeiramente que se deve chamar OVNI.
Não se sabe o que é, e passados 20 anos continua a não ser identificado.

Realço igualmente a competência das pessoas que estudaram este caso.
Conheci e convivi pessoalmente com os membros da CNIFO e eram investigadores competentes e idóneos.
Sem querer falar de outros investigadores que não fazem parte desta entrevista, mas que também eram bastante competentes na CNIFO, como o José Sottomayor ou o Luís Ribeiro, o certo é que as pessoas que foram entrevistadas foram excelentes.
O professor Joaquim Fernandes parece-me bastante competente na gestão de investigações e na descrição dos casos (se bem que já tenho sido bastante crítico aqui no blog, algumas vezes, porque me parece que anda há já uns tempos a colocar as suas crenças à frente do cepticismo, e a acreditar em algumas descrições absurdas).
O professor Mário Neves é uma pessoa bastante criteriosa, que não se deixa levar por espalhafatos, por crenças, ou por simples mentiras. É uma pessoa com um excelente equilíbrio mental, que sabe discutir os assuntos, e bastante inteligente.

Daí que quando eles dizem que continua a ser um mistério este caso, realmente é porque ainda não se descobriu uma resposta para explicar o fenómeno.

Nota importante: este objecto é um Não-Identificado. Não é um identificado como sendo nave extraterrestre.
É preciso perceber essas diferenças.

3 comentários

    • Renato Romão on 27/05/2013 at 21:54
    • Responder

    Na minha opinião… Balão não era, seria facilmente identificado pelos habitantes devido à sua altitude.
    No entanto… UAVs seria a opção com mais probabilidades. Mas, o porquê de experimentarem em Portugal?
    Por cima de Alfena tanto tempo?
    Só reportado em Alfena?
    Estariam a estudar/testar o quê?
    O que me leva ao raciocínio do Carlos e dos especialistas, como é reportado neste recente documentário:
    http://www.youtube.com/watch?v=V5f9d3-HsIc

    Abraços!

  1. Incrível ninguém ter postado nada aqui!

    Sobre esse óvni, com a sua permissão, repetirei o que disse no primeiro (?) post sobre ele:

    Muito provavelmente, alguém (americanos?) estavam testando um desses UAVs por lá:

    http://2.bp.blogspot.com/_CROmZlwZYP0/R8n1VKRO36I/AAAAAAAABR8/MgPYzinn3EA/s400/Cypher+UAV.jpg

    http://ovni.do.sapo.pt/principal/IMAGES_DOC/avioes/Cypher1.jpg

    As semelhanças, ao meu ver, são muitas. Eles têm basicamente a mesma forma de disco e “pernas” ou hastes, que devem servir para segurar câmeras e armas. Esse modelo de Alfena pode ser um protótipo, e por isso não é exatamente igual.

    Sendo assim, eu não vejo porque não pensar que esse óvni era um desses UAVs.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.