Google+

«

»

Jan 28

Asteróide irá acabar com a vida na Terra em 2019 ?

Lembram-se das notícias sobre o asteróide de ouro que iria bater na Terra em 2021? Leiam aqui.
Afinal, todas as informações dadas nessa “notícia” eram mentira.

Mas é óbvio que os pseudos, profetas da desgraça, têm muitas mais mentiras para inventar.
Afinal, têm que olhar pela vida depois de 2012. Têm que continuar a vender livros cheios de mentiras a crentes acéfalos que vão acreditar nas mentiras deles.

Daí que decidem inventar mais histórias mentirosas.

Esta história está a ser divulgada em diferentes fóruns e websites. Até já existe um website oficial!

A mentira:
– o asteróide não foi descoberto por um “abservatório”, mas sim pelos telescópios conhecidos como Ground-based Electro-Optical Deep Space Surveillance (GEODSS).
– não foi descoberto a partir da Cidade do México, no México, mas sim a partir da cidade de Socorro, no Novo México, EUA.
– o Don Yeomans não disse nada disso.
– o asteróide não irá bater na Terra em 2019.
– daí que os governos não começaram a unir forças, porque não existe essa ameaça deste asteróide.
– se toda a vida vegetal se extinguisse em 4 semanas, não faz qualquer sentido que 5 mil milhões de pessoas sobrevivessem! Existem vários outros erros do mesmo género no texto.
– a citação final, religiosa, é bem metida, porque realmente só acredita nestas parvoíces quem é demasiado crente para procurar as informações correctas.

yeomans

A verdade:
– Don Yeomans (na imagem) é um cientista da NASA que está atento a todas as órbitas de asteróides, incluindo aqueles que possam ser potencialmente perigosos para a vida na Terra, como podem ler aqui.
– existe um asteróide chamado 2002 NT7.
– foi descoberto a 9 de Julho de 2002.
– foi descoberto por cientistas. Refiro isto para se perceber que quem faz as descobertas, quem nos transmite os dados correctos, quem nos faz evoluir no conhecimento são os cientistas. Já os pseudos nunca fizeram nada de positivo pela humanidade.
– o asteróide tem 2,6 kms de diâmetro.
– o asteróide irá passar perto da Terra a 1 de Fevereiro de 2019.
– no início, quando se descobriu, ficou com 1 na escala de Torino: ou seja, em princípio não irá bater na Terra, mas são necessárias mais observações para o provar.
– as observações foram feitas e passou a ser 0 na escala de Torino: ou seja, não há qualquer hipótese dele bater na Terra em 2019. A Terra irá estar bastante distante nessa altura. Já se sabe isto desde 2002!
– note-se que qualquer asteróide pode passar perto ou mesmo sobre a órbita da Terra, mas nessa altura em que o asteróide está a passar sobre a órbita da Terra, a Terra pode estar numa zona completamente diferente da sua órbita.
– o mesmo asteróide irá passar por aqui a 1 de Fevereiro de 2060. Neste momento, ainda não se pode dar absoluta certeza que ele não irá bater. É muito pouco provável que bata, mas ainda não se pode colocar completamente de lado essa hipótese. São precisas mais observações da sua órbita. E sobretudo, é preciso esperar por 2019, e perceber as mudanças na sua órbita que irá sofrer nessa altura. Só em 2019 se poderá colocar de parte a hipótese de bater em 2060.

Acerca do autor(a)

Carlos Oliveira

Carlos F. Oliveira é astrónomo e educador científico.
Licenciatura em Gestão de Empresas.
Licenciatura em Astronomia, Ficção Científica e Comunicação Científica.
Doutoramento em Educação Científica com especialização em Astrobiologia, na Universidade do Texas.
Criou e leccionou durante vários anos um inovador curso de Astrobiologia na Universidade do Texas.
É actualmente Research Affiliate-Fellow em Astrobiology Education na Universidade do Texas em Austin, EUA.
Trabalhou no Maryland Science Center, EUA, e no Astronomy Outreach Project, UK, recebeu dois prémios da ESA, e realizou várias palestras e entrevistas nos media.

310 comentários

1 ping

Passar directamente para o formulário dos comentários,

  1. Rafa

    Mesmo que esse asteroide viesse contra a Terra, os Americanos não ia deixar! Eles iam mandar duas naves tripuladas, para ia até no asteroide perfurar até o meio do núcleo dele com uma super perfuratriz para colocar uma boma atômica dentro dele depois vazarem fora e detonar por controle remoto! Assim ele irá se dividir em dois passando as duas partes por fora da terra! Obs se não detonar via controle remoto, um astronauta poderá ficar no asteroide e detonar manualmente, sacrificando sua vida em prol da humanidade se tornando um herói para sempre!

    1. Carlos Oliveira

      Isso é só em filmes…

      A realidade é muito mais fácil:
      http://www.astropt.org/2011/11/11/formas-de-desviar-asteroides/

      abraços

  2. jessica

    poderá ser verdade mas nunca ninguem sabe quando e como irá acontecer . e as novas tecnologias irão salvar o planeta caso isso acontecer

    1. Carlos Oliveira

      Sim, nós sabemos: basta ter telescópios, observar o asteroide e saber matemática. É só preciso isso para sabermos 😉

      Se ler o post, também fica a saber…

  3. jefeson

    eu acho que e mentira mas em todo caso se for verdade eu aconcelho a lancar um foguete nao tripulado carregado de bobas atomicas mais potentes. nao isso e uma bobagem que e que vai acreditar nisso

  4. EduardoSagrilo

    Carlos, qual sua opinião? acha mesmo que ele nos atingirá? acha que a NASA descartou a possibilidade de colisão para não causar caos entre as pessoas?

    1. Carlos Oliveira

      Leu o artigo?

  5. jose

    Carlos agora estão inventando que setembro 2015 vai cair um cometa que esta ao lado da sol,que planeta é esse que não vejo ao lado do sol e a fotos mostram,dizem que aparece ao por do sol e o google eEarth tem uma tarja cobrindo o sol,voce poderia tirar minha duvida,porque acredito nas palavras que vem de voce.
    Obrigado pela atençao

    1. Carlos Oliveira

      Sobre o inexistente asteroide de Setembro:
      http://www.astropt.org/2015/06/12/americanos-preparam-se-para-o-asteroide-que-vai-bater-na-terra-em-setembro-nao/

      O Google Earth ou Google Sky não são telescópios.
      Está aqui explicado o porquê das tarjas:
      http://www.astropt.org/2012/02/20/objectos-estranhos-no-google-sky/

      Além disso, vários observatórios bloqueiam a luz do Sol, precisamente para poderem ver nessa direção, da mesma forma que se bloqueia luz de estrelas para eventualmente se poderem detetar exoplanetas.

      Existem 2 planetas que andam sempre bastante perto do Sol, pela nossa linha de visão: Mercúrio e Vénus.
      Qualquer pessoa pode provar isso, durante todo o ano, todos os anos.

      abraços

  6. jose

    Existe comunidade apavorando as pessoas,gostaria de mostra as pessoas,como ela estão enganada e que deveria ser crime fazer isso. Que só sabe dizer que a nasa mente,em 2012 vi crianças chorando.
    Que essas coisas deixa o cara chateado.
    Obrigado por sua atenção.

  7. Maciel

    Falar bem a verdade eu ate queria que esse asteroide chocasse contra a terra porq o mundo ta virado que novos tipos de vida surgissem neste belo planeta em que nos vivemos e nos o destruimos a cada dia, tem muita gente boa aqui mais tbm tem aqueles que so fazem o mal entao que os humanoides se extintam da face da terra.

  8. Ariane

    Os illuminatis sempre inventam mentiras,falaram que vai cair em setembro de 2015,ja disseram que o mundo ia acabar em 2001,2012,etc…Tudo mentira da midia global,gostei deste site!

  1. TOP 100

    […] + 10 + 11 + infografia. Ig Nobel. 1910. 2008. 2010. 2010. 2011. 2012. 2013. 2014. 2014. 2016. 2017. 2019. 2020. 2021. 2023. 2027. 2032. 2036. 2040. 2060. 2061. 2110. 2182. 2880. […]

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas HTML tags e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>