Mistério do Pulsar B1259-63

A 8000 anos-luz de distância encontra-se um par bastante estranho: um sistema binário de estrelas em que um dos elementos é o pulsar PSR B1259-63 e o outro elemento é uma estrela azul gigante e massiva conhecida como LS 2883.
A cada 3,4 anos, o pulsar passa pelo disco de gás da gigante azul, e emite raios-gama.
Recentemente, essas explosões de raios-gama têm sido muito mais intensas… mas os astrónomos ainda não sabem o porquê…

Leiam esta notícia, no site da NASA.

1 comentário

  1. Talvez seja a soma da gravidade+campo eltromagnetico de ambas as estrelas que disparam tais raios. Pelo que entendi os raios são emitidos com o passar do pulsar pelo disco de gás. Pode ser que tais emissões sejao resultado da imensa soma de ambas as forças sobre esse gás que existe: acelera as particulas e aquecem elas ao ponto de emitir raios gama, caso seja possivel, pode ser que o aumento de intensidade se deva ao fato de mais materia estar sendo expelida pela gigante azul fazendo o envolucro de gás ficar mais robusto, então quando o pulsar passar, o atrito é gerado e a gravidade mais calor intenso gerado espremem as particulas como pasta de dente fazendo elas se degenerarem e gerar tais raios como se fossem mini explosoes solares.
    Sei lá, é só uma opiniao xP

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.