Nebulosa da Medusa

A APOD de hoje traz a imagem da Nebulosa da Medusa (também chamada de mãe de água, água-viva, alforreca). Ela deve-se ao que subsiste da supernova IC 443, que foi o resultado da implosão de uma estrela de enorme massa (a luz desta explosão chegou à Terra há mais de 30 mil anos). Escondida pela nebulosa está o cadáver da estrela que implodiu: uma estrela de neutrões.
Esta nebulosa encontra-se a cerca de 5.000 anos-luz de distância.
Na imagem, do lado direito da nebulosa está a estrela Eta Geminorum.

Crédito: Dieter Willasch

Crédito: Dieter Willasch

1 ping

  1. […] Anel do Sul. Colar. Bolha Cósmica. Bolha. Sharpless 308. Crescente. Abell 39. Alma. Lagoa. Medusa. Olho Brilhante. Rosetta. V838 Monocerotis. Cascata. Ovo. Ovo Frito. NGC 2170. NGC 2452. NGC 3582. […]

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.